Ritmo da vacinação contra covid aumenta, mas Estados e municípios ainda esbarram na falta de doses

Home/Informativo/Ritmo da vacinação contra covid aumenta, mas Estados e municípios ainda esbarram na falta de doses

 

Nas três primeiras semanas de abril, o Brasil já teve o seu melhor desempenho na imunização contra a covid-19 desde que a vacinação começou chegando a uma média superior a 740 mil doses aplicadas por dia, quase o dobro do mesmo período no mês anterior. Também, chegou a ultrapassar a marca de 1 milhão de vacinas administradas em 24 horas, repetindo o feito outras quatro vezes, a última delas na segunda-feira, 19. Apesar da melhora no ritmo, no entanto, o volume está aquém da capacidade diária de 2 milhões do Plano Nacional de Imunização (PNI), e o principal empecilho para que essa aceleração aconteça é a falta de imunizantes disponíveis, que atrasa as campanhas em Estados e municípios de todo o País. O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, já disse que a meta é imunizar pelo menos um milhão de pessoas por dia. “Vacina aqui acaba antes da hora”, conta Fábio Villas-Boas, secretário estadual da Saúde da Bahia, que já aplicou a primeira dose em 13,83% da sua população, o segundo melhor desempenho no País e acima da média nacional, de 12,59%. Na campanha nacional, mais de 80% das doses usadas têm sido da Coronavac, do Instituto Butantan e da chinesa Sinovac, e o restante é Oxford/AstraZeneca, cuja produção no Brasil fica a cargo da Fiocruz.  Há um mês, a Secretaria de Saúde da Bahia decidiu repassar novas doses da vacina apenas aos municípios que já tivessem utilizado 70% do estoque anterior. Quinze dias depois, a porcentagem obrigatória subiu para 85%. Para melhorar a eficiência na administração das doses, municípios que antes tinham utilizado de 50% a 60% das vacinas entregues investiram na contratação de novos aplicadores e funcionários responsáveis pela inserção dos dados no sistema eletrônico de controle. O ritmo acelerou e, no início de abril, a Bahia já era o Estado com maior proporção de imunizados no País. Desde então, as remessas se esgotam antes da entrega seguinte.  Ocupando hoje o topo da lista de imunizações, com 17,39% da população com ao menos a 1ª dose recebida, o Rio Grande do Sul adotou estratégia similar à da Bahia, com o lema “O RS estoca vacina no braço”. Para a secretária estadual da Saúde, Arita Bergmann, o avanço é fruto de uma pré-organização do Estado e da celeridade na distribuição aos municípios. Por outro lado, a maioria dos Estados nas regiões Norte e Centro-Oeste, exceto Amazonas e Mato Grosso do Sul, estão abaixo da média nacional. Na maioria deles, como em Mato Grosso, menos de 10% da população recebeu a 1ª dose da vacina. Em nota enviada ao jornal O Estado de S.Paulo, a Secretaria Estadual de Saúde do Mato Grosso alega que o Estado recebeu doses “de acordo com o número de habitantes que integram os grupos de risco contemplados pelo PNI até o momento” e que tem “menos idosos”. “É evidente que o Estado também receberá um quantitativo menor nesta etapa de vacinação”, afirma o texto.

Anvisa libera coquetel contra covid para pacientes do grupo de risco

Por unanimidade, a diretoria colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) deliberou em reunião nesta terça-feira (20), pela autorização temporária do uso emergencial do coquetel o REGN-COV2 no tratamento de pacientes com a covid-19. Segundo o jornal O Estado de S.Paulo liberado em caráter experimental, o tratamento reúne os medicamentos casirivimabe e imdevimabe (cujos nomes originais são, respectivamente, casirivimab e imdevimab) e é destinado a casos leves e moderados com resultado positivo em laboratório para o novo coronavírus e “que possuem alto risco de progredir para formas graves da doença”, como idosos de 65 anos ou mais e pessoas do grupo de risco em geral. O uso será restrito a hospitais, com venda proibida no comércio e farmácias, e é destinado a pacientes que não estão internados e que não necessitam de suplementação de oxigênio de alto fluxo ou ventilação mecânica. Este é o segundo tratamento para a doença liberado para uso emergencial no País, após a aprovação do remdesivir em março. O tratamento foi desenvolvido pela empresa norte-americana Regeneron Pharmaceuticals, em parceria com a suíça Roche, responsável pelo pedido de autorização de uso no Brasil, protocolado na Anvisa em 1.º de abril. O coquetel está liberado para uso em caráter emergencial nos Estados Unidos desde novembro passado, tendo sido um dos utilizados pelo então presidente Donald Trump, além do Canadá e da Suíça. Além disso, teve parecer positivo da Agência Europeia de Medicamentos (EMA) em fevereiro, com posterior autorização de uso emergencial na Itália, na Alemanha, na República Checa, na França e na Islândia. A liberação terapêutica é para pessoas de ao menos 12 anos e com pelo menos 40 quilos. Os possíveis efeitos colaterais incluem anafilaxia (reação alérgica aguda), febre, calafrios, urticária, coceira e rubor. Como explicou Gustavo Mendes Lima Santos, gerente-geral de Medicamentos e Produtos Biológicos da agência, o tratamento reúne dois anticorpos monoclonais (proteínas feitas em laboratório) que têm o objetivo de se ligar à proteína spike do vírus a fim de impedir que entre na célula e possa se replicar. O tratamento não é recomendado para pacientes que estão em estado grave, pois pode piorar o quadro de saúde.

Debatedores defendem mudanças no sistema de saúde para tratar sequelas da Covid

Profissionais de saúde e gestores públicos apontaram a necessidade de mudanças no sistema de saúde para que o País possa atender aos pacientes de Covid-19 que tiveram sequelas. Em audiência pública das comissões de Seguridade Social e Família; e dos Direitos da Pessoa Idosa da Câmara nesta segunda-feira (19), eles afirmaram que as consequências do novo coronavírus para a população ainda não são totalmente conhecidas, mas que, seguramente, o tratamento vai além da alta hospitalar. De acordo com a Agência Câmara a autora do requerimento que sugeriu o debate, a deputada Flávia Morais (PDT-GO) salientou que as providências para o atendimento dos pacientes com algum problema decorrente da infecção pelo coronavírus têm de receber mais atenção. A professora de medicina da Universidade de Brasília (UnB) Juliana Lapa ressaltou que mais de 50 tipos de sequelas já foram identificados, do Acidente Vascular Cerebral (AVC) à disfunção renal, além de fadiga, insuficiência respiratória, ansiedade e depressão. Geriatra do Hospital Sírio Libanês, Samara Morais chamou atenção para as consequências do isolamento social e da hospitalização, que podem provocar perdas cognitivas e funcionais nos pacientes mais velhos. O representante do Ministério da Saúde, Angelo Gonçalves, informou que o governo federal está trabalhando em um projeto de reabilitação e de capacitação de profissionais, tendo como base a ampliação da rede de Centros Especializados em Reabilitação (CERs). Já o secretário-executivo do Conselho Nacional de Secretários Estaduais de Saúde (Conass), Jurandi Frutuoso, lembrou que a crise sanitária desorganizou os setores de saúde e que mudanças são necessárias para enfrentar o desafio pós-Covid. Para a professora Carla Marques, da área de Saúde Coletiva da Universidade de Brasília, o sistema básico de saúde tem de ser fortalecido para identificar quantos são os pacientes com sequelas e que tratamentos são necessários. Para ela, é a atenção primária que vai mapear quem são esses usuários que têm necessidade de um acompanhamento secundário. As pesquisas revelam que 53% dos pacientes que tiveram formas leves da Covid-19 têm chance de desenvolver sequelas. Entre os que tiveram as formas mais agudas da doença, a probabilidade sobe para 80%.

Conitec completa 10 anos e aprimora processo de avaliação em tecnologias em saúde no SUS

“Essa Comissão é fundamental, pois é guardiã do SUS.” O depoimento do ministro da saúde, Marcelo Queiroga, destaca os 10 anos da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no Sistema Único de Saúde (Conitec), responsável por assessorar o Ministério da Saúde (MS) na tomada de decisão sobre a incorporação, exclusão ou alteração de tecnologias em saúde pelo SUS, bem como na constituição ou alteração de protocolos clínicos ou de diretrizes terapêuticas. A Comissão desempenha um trabalho integrado com as secretarias do MS e outros órgãos responsáveis por gerir a saúde no país. Criada por lei no dia 28 de abril de 2011, a Conitec é composta por um colegiado permanente, responsável por realizar a Avaliação das Tecnologias em Saúde (ATS), com base em critérios de eficácia, segurança, custo-efetividade e impacto orçamentário. A partir das avaliações feitas pela Conitec, cerca de 60% das tecnologias tiveram recomendação de incorporação ao SUS. “Somente através de avaliações próprias baseadas no melhor da evidência científica nós asseguraremos aos brasileiros políticas públicas capazes de mudar a história natural dos agravos à saúde”, disse o ministro. Infectologia, oncologia, reumatologia, pneumologia, neurologia, genética e cardiovascular são as áreas da saúde com mais encaminhamentos de incorporação. Prevista legalmente, a participação social é uma das atribuições da Conitec. Desde sua criação, todas as demandas em avaliação são submetidas a consultas públicas para receber contribuições da sociedade pelo prazo de 20 dias ou, em casos de urgência da matéria, por 10 dias. As contribuições e sugestões recebidas são organizadas, avaliadas e inseridas ao relatório final da Conitec, que, posteriormente, é encaminhado para o Secretário de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde (SCTIE/MS) para a tomada de decisão. O Secretário da SCTIE também pode solicitar a realização de audiência pública antes da sua decisão. Em 10 anos, 503 consultas públicas foram realizadas e mais de 280 mil contribuições foram recebidas para auxiliar o processo de avaliação de tecnologias no SUS e de elaboração e atualização de Protocolos Clínicos e Diretrizes Terapêuticas (PCDT). Atualmente, são mais de 160 protocolos clínicos vigentes no SUS e cerca de 50 encontram-se em elaboração ou atualização.

SAÚDE NA IMPRENSA

Agência Câmara – Nova lei facilita envio de material genético ao exterior em epidemias

Agência Câmara – Debatedores pedem prioridade para a vacinação de indígenas que vivem em áreas urbanas

Agência Câmara – Governo prevê início da vacinação de trabalhadores portuários até final de maio

Agência Câmara – Debatedores defendem mudanças no sistema de saúde para tratar sequelas da Covid

Agência Câmara – Medida provisória vai custear medicamentos e quase 8 mil leitos para combate à Covid-19

Agência Câmara – Proposta prevê acompanhante para paciente internado com Covid-19

Agência Câmara – Proposta prevê serviço comunitário para quem descumprir quarentena

Agência Câmara – Proposta exige provador de roupas adaptado à pessoa com deficiência

Agência Câmara – Proposta exige repouso adequado para médicos durante a pandemia

Agência Senado – Congresso aprova projeto que facilita gastos com pandemia

Agência Senado – CPI da Pandemia elege presidente no dia 27 em reunião semipresencial

Agência Senado – Requerimento prevê que CPI e Comissão da Covid-19 compartilhem informações

Agência Senado – Chico Rodrigues propõe mutirão nacional de vacinação contra a covid-19

Agência Senado – Bancada feminina pede ajuda à OMS para aquisição e entrega de vacinas e ‘kit intubação’

Agência Senado – Paim defende projeto que permite quebra de patente de vacinas contra covid-19

Anvisa – Anvisa seleciona consultor para acompanhamento de listas de RPBR

Anvisa – Medicamentos estéreis: prorrogado o prazo de medidas excepcionais e emergenciais

Anvisa – Acompanhe a 6ª Reunião Extraordinária da Dicol

Anvisa – Autorizado novo ensaio clínico de vacina para Covid-19

ANS – Autismo: beneficiários de Alagoas têm sessões ilimitadas

ANS – Autismo: ANS reforça comunicado às operadoras que atuam em Alagoas sobre decisão judicial

Agência Saúde – Embaixador chinês e ministro reforçam compromisso por mais vacina e insumos

Agência Saúde – Covid-19: 12.460.712 milhões de pessoas estão recuperadas no Brasil

Agência Saúde – Recursos extras são disponibilizados para estados realizarem cirurgias eletivas

Agência Saúde – Ministro se encontra com representantes da ONU e reforça compromisso com a vacinação de indígenas

Agência Saúde – Ministério da Saúde destaca ações realizadas para população indígena

MDH – Publicada lei que permite a realização de exames de DNA em parentes do suposto pai

MDH – Ministérios lançam Projeto Cuidar com ações contra o uso de álcool e drogas em comunidades indígenas e tradicionais

Conitec – Conitec completa 10 anos e aprimora processo de avaliação em tecnologias em saúde no SUS

Conasems – Programa TCU+Cidades inicia ciclo de webinários para gestores municipais

Jota – As decisões do STF após um ano de pandemia

Jota – Sem plano individual, Unimed não é obrigada a manter beneficiários de coletivo

Agência Brasil – Covid-19: mortes de grávidas e puérperas dobram em 2021

Agência Brasil – Brasil registra 1.347 óbitos e 30.634 casos de covid-19

Agência Brasil – DF só aplica segunda dose da vacina em quem tomou primeira na capital

Agência Brasil – SP anuncia vacinação de trabalhadores do Metrô e da CPTM

Agência Brasil – Fiocruz lança guia para mitigar impacto da covid em grupos vulneráveis

Agência Brasil – Inspetor da Anvisa fala sobre qualidade de transporte de medicamentos

Agência Brasil – Após uma semana, vacinação contra gripe atinge 1,8% do público-alvo

Agência Brasil – Anvisa autoriza novo ensaio clínico de vacina contra covid-19

Agência Brasil – Rio distribui medicamentos do kit intubação para municípios do estado

Agência Brasil – Butantan recebe insumo e fabricará mais 5 milhões de vacinas CoronaVac

Agência Brasil – Portaria que destina verba a ações para gestantes é publicada no DOU

Folha de S.Paulo – Sem regra nacional e com pouca vacina de Covid, estados criam distinções entre comorbidades

Folha de S.Paulo – Abrale oferece consultas online para pacientes oncológicos do SUS

Folha de S.Paulo – Tribunal de Contas investiga fura-fila da vacina com nomes de mortos em Mato Grosso

Folha de S.Paulo – Comissão da Cannabis medicinal volta aos trabalhos na Câmara depois de um ano de recesso

Folha de S.Paulo – Pela 2ª vez, Brasil ultrapassa os EUA em mortes por Covid por 100 mil habitantes

Folha de S.Paulo – Cúpula da CPI da Covid quer investigação inicial nas quedas de Mandetta e Teich

Folha de S.Paulo – Contato entre médicos e familiares de pacientes com Covid gera ansiedade a distância

Folha de S.Paulo – Restrições anti-Covid mais fortes deveriam valer até o Dia das Mães, diz epidemiologista

Folha de S.Paulo – Acordo sobre Orçamento prevê corte de R$ 10,5 bi em emendas, diz ministra

Folha de S.Paulo – Confinamento na pandemia faz crescer casos de miopia em crianças

Folha de S.Paulo – Governo e Congresso manobram para atender parlamentares e resolver impasse do Orçamento

O Estado de S.Paulo – Anvisa libera coquetel contra covid para pacientes do grupo de risco

O Estado de S.Paulo – Com Renan, governo deve ‘sangrar’ em CPI

O Estado de S.Paulo – Além da covid, Brasil teve 55 mil mortes por outras doenças acima do previsto para 2020

O Estado de S.Paulo – Brasil tem uma demanda reprimida por vacinas

O Estado de S.Paulo – Direito à desconexão é tema obrigatório nos programas corporativos de saúde mental

O Estado de S.Paulo – Guedes precisa engolir acordo sem limite para gastos extras da 2ª onda da pandemia

O Estado de S.Paulo – Na mira da CPI da Covid, Araújo diz que sua atuação ‘não foi empecilho para nada’

O Estado de S.Paulo – Também na telemedicina, mulheres se cuidam mais e homens fogem de médicos

O Estado de S.Paulo – Consórcio de governadores do Centro-Oeste negocia compra de 28 milhões de doses da Sputnik V

O Estado de S.Paulo – Carla Zambelli vai à Justiça para barrar Renan na relatoria da CPI da Covid

O Globo – Bolsonaro inflou valores transferidos a estados e municípios; recursos poderiam ser usados também fora da Saúde

O Globo – Primeiro serviço de aborto legal via telemedicina do país já ajudou 15 mulheres a interromper a gravidez com segurança. Entenda

G1 – Vacinas contra Covid: O que acontece com as doses das vacinas AstraZeneca e Janssen que países europeus decidiram não usar?

G1 – Índia registra recorde de mortes por Covid e tem mais de 200 mil casos pelo 6º dia seguido

G1 – EUA interrompem produção da vacina da Johnson contra Covid em fábrica que desperdiçou doses

G1 – “Pessoas que eram saudáveis estão numa situação de máxima dependência”, alerta médica

G1 – Com 12,3% da população vacinada contra Covid, ritmo de aplicação da 1ª dose despenca no Brasil

G1 – Trabalho madrugada adentro e pressão nas redes sociais: gerente da Anvisa conta como foi análise emergencial das vacinas contra Covid

G1 – Israel compra mais milhões de doses da vacina da Pfizer

G1 – Mundo registra mais de 5,2 milhões de novos casos de Covid em pior semana da pandemia, aponta OMS

G1 – Novo estudo da Sputnik V aponta que eficácia da vacina é de 97,6%, diz instituto russo

G1 – Anvisa autoriza testes clínicos de mais uma vacina contra Covid-19 no Brasil; este é o sexto ensaio no país

G1 – EUA ampliam vacinação contra Covid para todos a partir de 16 anos

G1 – 1º lote da vacina da Pfizer vai ser distribuído apenas nas capitais, diz Conasems

Correio Braziliense – Grávidas correm mais risco com a covid-19? O que dizem os cientistas

Correio Braziliense – Covid-19: sensor de pele aponta excessos do sistema de defesa

Correio Braziliense – Sputnik V: o que se sabe sobre a vacina russa que tem efetividade de 97,6%, de acordo com novo estudo

Correio Braziliense – Pacheco faz agrado ao Planalto e adia instalação da CPI da Covid

Valor Econômico – O mercado de escritórios no pós-pandemia

Valor Econômico – Covid-19 pressiona as contas públicas argentinas

Valor Econômico – Avanço da epidemia deve fazer Índia manter veto à exportação de vacinas

Valor Econômico – A vacina e a fratura exposta nos municípios

Valor Econômico – Congresso aprova projeto que abre espaço para medidas de socorro a empresas e emprego

Valor Econômico – Montante do Orçamento a ser gasto fora das regras fiscais dependerá da área de saúde

Valor Econômico – Acordo por Orçamento deve ter corte de R$ 10,5 bi em emendas

Valor Econômico – Governo dos EUA avalia regra para reduzir nicotina em cigarros

Valor Econômico – Empresas de oxigênio medicinal alertam sobre riscos de internações de pacientes de covid-19 em UPAs

Valor Econômico – IBC-Br de fevereiro eleva chances de PIB positivo no 1º trimestre, dizem economistas

CLDF – Projeto estabelece diretrizes para assistência social em UTIs

CNN – Membro da CPI da Pandemia propõe 60 requisições de documentos e quase 20 frentes

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »