Queiroga afasta militares e mantém indicado do Centrão em ministério

Home/Informativo/Queiroga afasta militares e mantém indicado do Centrão em ministério

 

O novo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afastou militares do primeiro escalão da pasta e está privilegiando a indicação de médicos e gestores na montagem de seu secretariado. A mais recente mudança foi confirmada ontem, com a nomeação do ortopedista Sérgio Okane para a Secretaria de Atenção Especializada (SAES), no lugar do coronel do Exército Otávio Franco Duarte. Antes, Queiroga já havia trocado o coronel Élcio Franco na secretaria-executiva, agora comandada por Rodrigo Cruz, que veio do Ministério da Infraestrutura. Também deixou o ministério o coronel da reserva Jorge Luiz Kormann, que estava na secretaria-adjunta e que chegou a ser indicado para a diretoria da Anvisa. O novo ministro da Saúde – o quarto desde o início da pandemia – manteve quatro secretários da gestão anterior, todos médicos, entre eles o secretário de Vigilância em Saúde, Arnaldo Medeiros, indicado em junho do ano passado pelo Centrão. Também foram mantidos os secretários Raphael Câmara (Atenção Primária), Hélio Angotti (Tecnologia e Insumos) e Mayra Ribeiro (Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde). Queiroga anunciou ainda a criação de uma secretaria extraordinária da covid-19, que será chefiada pela enfermeira Francieli Fontana, atual coordenadora nacional do Programa Nacional de Imunizações (PNI). O Valor Econômico apurou que, Francieli deve ser confirmada no novo posto entre esta terça-feira (13) e quarta-feira 14, juntamente com outros nomes do secretariado de Queiroga. Formada em 2003 pela Universidade Estadual do Centro-Oeste, no Paraná, ela está à frente do PNI desde outubro de 2019. Servidora do Ministério da Saúde, Fantinato também participou ativamente de pesquisas relacionadas ao zika vírus, em 2016. Desde o início da pandemia, vem participando de eventos e debates para esclarecer detalhes da vacinação contra a covid-19. De perfil técnico e discreto, ela é bem avaliada por colegas, que destacam sua experiência na área de imunização. Em entrevistas recentes, evitou se manifestar sobre a possibilidade de o setor privado comprar vacinas, se limitando a dizer que a questão não está em sua alçada de responsabilidades. Também defende uma campanha de comunicação mais contundente em relação à importância da imunização e contra fake news.

Queiroga diz que Guedes garantiu que não faltará recurso para Saúde: “Estou acreditando nele”

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, disse nesta terça-feira (13) não estar preocupado com o fato de o orçamento previsto para a sua pasta estar abaixo do valor necessário para o combate à pandemia porque o ministro da Economia, Paulo Guedes, garantiu que não faltará recurso. “Paulo Guedes disse que não vai faltar recurso para a Saúde, estou acreditando nele”, afirmou, ao encerrar uma entrevista na sede do ministério. Segundo o Valor Econômico após a fala do ministro, o secretário-executivo da pasta, Rodrigo Cruz, esclareceu que já houve conversas em que a equipe econômica se comprometeu a “olhar com muito carinho” para eventual necessidade de verba para compra de vacinas, de medicamentos para tratamento de covid e habilitação de leitos, por exemplo. Queiroga reiterou na entrevista que a prioridade da pasta para diminuir a curva de mortes pela doença é avançar na vacinação e nos cuidados de proteção individual. A pasta foi informada, em balanço atualizado nesta manhã, que 1,5 milhão de pessoas não compareceu no prazo determinado para receber a segunda dose dos imunizantes. A orientação é para que os postos de saúde sejam procurados, mesmo com atraso. Questionado sobre o ritmo de vacinação, o ministro argumentou que a disputa mundial por insumos e doses prontas são o principal desafio para acelerar a campanha. “O Brasil tem capacidade de aplicar 2,4 milhões de vacinas por dia com a atual estrutura, mas faltam doses”, explicou. A participação da iniciativa privada na compra de vacinas, que vem sendo discutida pelo Congresso, não é vista como “fura-fila” pelo ministro. Para acelerar a vacinação, o ministro aposta na ampliação da produção local pelo Butantan e Fiocruz, o que depende da garantia de insumos e também da importação de doses. O governo tenta convencer os produtores a anteciparem o envio ao Brasil de doses que iriam para países que já estão mais avançados na vacinação.

Saúde afirma que 1,5 milhão de pessoas não voltaram para tomar segunda dose da vacina contra covid

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, informou nesta terça-feira (13), que 1,5 milhão de pessoas não voltaram para tomar a segunda dose da vacina da covid-19 dentro do prazo estipulado pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI). De acordo com o jornal O Estado de S.Paulo a pasta deve elaborar uma lista com dados detalhados de pessoas que descumpriram o intervalo entre as doses em cada Estado. Sem dar detalhes, Queiroga também disse à imprensa que a Saúde prepara novas orientações para evitar a circulação do vírus, principalmente no transporte urbano. O ministro voltou a se opor à adoção de medidas mais duras, como um lockdown. Segundo a coordenadora do PNI, Francieli Fontana, mesmo fora do prazo, todos devem retornar para tomar a segunda dose. Ela afirmou que o ministério irá conversar com Estados e municípios para traçar formas de ir atrás de quem está com a segunda dose atrasada. Fontana será nomeada chefe da secretaria que tratará apenas de assuntos da covid dentro do ministério, área que ainda depende da publicação de uma medida provisória para ser criada. As vacinas de Oxford/AstraZeneca e a Coronavac, distribuídas até agora no Brasil, são aplicadas em duas doses, com intervalos distintos. Para alcançar a eficácia observada em estudos, o esquema vacinal precisa ser seguido à risca. O número de pessoas vacinadas com ao menos uma dose contra a covid-19 no Brasil chegou nesta segunda a 23.847.792, o equivalente a 11,26% da população total, segundo dados do consórcio formado por veículos de imprensa. Queiroga e sua equipe participaram de uma conversa com a imprensa nesta terça-feira. O ministro disse que não há previsão de quando grupos prioritários (cerca de 77,2 milhões de pessoas) serão vacinados. “Com as doses que tenho aí, não tem ainda condições de estabelecer prazo”, disse Queiroga.

Pacheco dará 10 dias para líderes partidários indicarem integrantes da CPI da Covid

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), avisou a líderes partidários que eles terão dez dias para indicar membros da CPI da Covid. O prazo começará a ser contado a partir da leitura do requerimento que cria a comissão, o que Pacheco já disse que fará na sessão desta terça-feira (13), cumprindo a decisão do ministro Luís Roberto Barroso. Na prática, porém, o funcionamento do colegiado pode demorar e ficar condicionado ao retorno dos trabalhos presenciais dos senadores, o que não há data para ocorrer, informou o jornal O Estado de S.Paulo. A comissão deve ser formada por 11 titulares e sete suplentes. Apesar de o foco inicial da investigação ser o governo do presidente Jair Bolsonaro, a oposição terá apenas duas ou três cadeiras, conforme a distribuição das bancadas. O Planalto age para indicar senadores mais alinhados. Além disso, quer adiar ao máximo o funcionamento do colegiado. De acordo com fontes ouvidas pelo Estadão/Broadcast, se os líderes não indicarem os membros no prazo estipulado, a escolha pode ser feita diretamente por Pacheco. Ainda há a possibilidade de senadores retirarem suas assinaturas do pedido de criação de CPI até a meia-noite de hoje, o que inviabilizaria a comissão, mas esse cenário é descartado nos bastidores. Articuladores do Planalto não tiveram sucesso até agora na tentativa de reduzir o apoio. Em outra frente, parlamentares governistas também atuam para ampliar o escopo da CPI para Estados e municípios, o que pode dividir o foco da investigação ou até inviabilizá-la. A inclusão de prefeitos e governadores, conforme relatos feitos reservadamente, tem o potencial de anular os trabalhos da comissão no Supremo Tribunal Federal (STF), uma vez que o regimento do Senado não permite CPI para investigar governos locais. Por isso, a estratégia de Bolsonaro para pressionar a ampliação para Estados e municípios é vista como tentativa para enterrar a CPI e fazer “do limão uma limonada”, conforme o chefe do Planalto admitiu em ligação divulgada pelo senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO).

SAÚDE NA IMPRENSA

Agência Senado – Pacheco reitera pedido à ONU para que Brasil receba vacinas antecipadamente

Agência Senado – Projeto permite que indústria veterinária produza vacinas contra covid-19

Agência Senado – Projeto que reestabelece situação de emergência da saúde pública está na pauta do Senado

Agência Senado – CPI da Covid: ampliação de investigações para estados e municípios ainda é dúvida

Agência Senado – Senado será iluminado de vermelho em alusão ao Dia Internacional da Hemofilia

Agência Senado – Comitiva visitará fábricas de vacinas animais que possam produzir vacina contra covid

Agência Senado – Municípios podem aplicar 1,5 milhão de vacinas por dia, diz presidente da CNM

Agência Senado – Pacheco, Confúcio e ministro da Saúde se reúnem para discutir combate à pandemia

Agência Senado – Nos primeiros 100 dias do ano, governo gasta 12 vezes menos com pandemia

Agência Senado – Vítimas da covid podem ter página de homenagem na internet

Agência Senado – Projeto prevê criação de frente parlamentar em defesa das vacinas

Agência Câmara – Comissão quer garantir prioridade para pessoas com deficiência na vacinação contra Covid-19

Agência Câmara – Lira e Pacheco pedem ajuda à ONU para acelerar entrega de vacinas ao Brasil

Agência Câmara – Parlamentares se preocupam com efeitos da pandemia na primeira infância

Agência Câmara – Projeto proíbe publicidade institucional não relacionada à Covid-19

Agência Câmara – Projeto exige vistoria anual em ônibus adaptados a pessoas com deficiência

Agência Câmara – Projeto prevê criação de leitos de UTI em municípios menores

Agência Câmara – Verba para promover turismo no exterior poderá ser direcionada à pandemia

Anvisa – Webinar aborda Boas Práticas de Distribuição e Armazenagem de medicamentos

Anvisa – Manual de Peticionamento de Remessa Expressa no Solicita

Anvisa – Fundo Russo adia início da inspeção da Anvisa nas fábricas da vacina Sputnik V

ANS – Ministro da Saúde reúne-se com diretoria da ANS

ANS – ANS abre consulta pública para atualização de plano de contas

ANS – ANS promove a primeira reunião ordinária da Câmara de Saúde Suplementar de 2021

ANS – Envio dos dados do REA-Ouvidorias 2021 continua suspenso

Agência Saúde – Vacinação contra gripe começa nesta segunda-feira

Agência Saúde – Dia Nacional de Enfrentamento à Psicofobia alerta para o cuidado com a saúde mental

Agência Saúde – Campanha incentiva busca por atendimento médico aos primeiros sintomas da covid-19

Agência Saúde – Brasil receberá mais de 800 mil doses da vacina da Pfizer, garante Covax Facilty

Agência Saúde – Brasil registra 11.957.068 milhões de pessoas recuperadas

Governo Federal – Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe começa nesta segunda-feira (12)

Jota – Alterada agenda de inspeção da Anvisa nas fábricas da vacina Sputnik V

Agência Brasil – Queiroga faz apelo para que vacinados não deixem de tomar segunda dose

Agência Brasil – Brasil registra 13,5 milhões de casos de covid-19 e 354,6 mil óbitos

Agência Brasil – Covid-19: Rio tem 1,31 mil autuações no terceiro dia de fiscalização

Agência Brasil – Covid-19: vacinação em Serrana imuniza mais de 97% da população

Agência Brasil – Vacinação contra a gripe deve atingir 80 milhões de pessoas

Agência Brasil – Covid-19: vacinados devem observar intervalo entre imunizantes

Folha de S.Paulo – ‘É preciso que sociedade ajude a ampliar leitos públicos’, diz vice-presidente da Rede D’Or

Folha de S.Paulo – Bolsonaro já prepara tropa de choque de CPI da Covid e escala líder do centrão

Folha de S.Paulo – ECMO no tratamento da Covid-19 e a necessidade de racionalização

Folha de S.Paulo – Consumo de alimentos ultraprocessados aumenta risco de infarto e AVC, aponta estudo

Folha de S.Paulo – Base de Bolsonaro age para minar CPI, e Supremo busca solução para o Senado

Folha de S.Paulo – Após créditos adicionais, Orçamento da Saúde para 2021 é inferior em R$ 20 bi ao valor gasto em 2020

Folha de S.Paulo – Há 3 meses falta remédio para tratamento renal

Folha de S.Paulo – Consórcio da OMS vai entregar ao Brasil 800 mil doses da Pfizer em junho, diz governo

Folha de S.Paulo – Ministro da Saúde muda foto do Facebook

Folha de S.Paulo – Isolamento social cai em SP no último final de semana da fase emergencial

Folha de S.Paulo – Reino Unido alcança meta de oferecer 1ª dose de vacina a maiores de 50 anos antes do previsto

Folha de S.Paulo – Vídeo mostra enfermeira trocando seringa de vacina da Covid

Folha de S.Paulo – TCU determina que Ministério da Saúde distribua imediatamente testes de coronavírus estocados

Folha de S.Paulo – ‘Se alguém fez teatro, foi o presidente Bolsonaro’, diz Kajuru à Folha após conversa sobre CPI da Covid

Folha de S.Paulo – OMS avalia que pandemia poderia ser controlada em alguns meses se houvesse disposição de governos

O Estado de S.Paulo – Fatos e falácias sobre a vacinação privada

O Estado de S.Paulo – Estresse e ansiedade também podem provocar problemas no estômago; saiba como evitar

O Estado de S.Paulo – Requerimento de benefícios por incapacidade pela covid-19 já representa 10% no total de pedidos ao INSS

O Estado de S.Paulo – Anvisa tem até 1º de maio para avaliar pedido de uso emergencial de coquetel da Regeneron

O Estado de S.Paulo – Alvo de Bolsonaro, governadores e prefeitos já enfrentam CPIs em 11 Estados

O Estado de S.Paulo – Endometriose, a doença da mulher moderna

O Estado de S.Paulo – Saúde 4.0: plataforma de e-commerce personalizada é tendência em 2021

O Estado de S.Paulo – Consórcio da OMS vai entregar ao Brasil mais de 800 mil doses da Pfizer em junho, diz governo

O Estado de S.Paulo – MP e TCU requerem medida cautelar obrigando governo a divulgar cronograma de vacinação

O Estado de S.Paulo – MP investiga suspeita de pressão da Prevent Senior contra médicos para prescrição de remédios

O Estado de S.Paulo – Auxílio por incapacidade temporária sem perícia médica terá duração máxima de 90 dias

O Estado de S.Paulo – Político do RN faz conexão insustentável entre novas cepas e hepatite para defender ‘tratamento precoce’

O Estado de S.Paulo – Demora em análise de remessa de canabidiol afeta pacientes e Anvisa inicia força-tarefa

O Estado de S.Paulo – Pacheco decide foco de CPI com Senado sob ‘guerra’

O Globo – Senado pode ter duas CPIs da Pandemia? Entenda estratégias de Bolsonaro e da oposição

O Globo – Amplamente usado nos EUA, único remédio aprovado para tratar Covid no Brasil ainda não foi adotado no país

O Globo – Confira o calendário de vacinação de hoje em Rio, Niterói, SP, Salvador, Curitiba e mais 4 cidades

O Globo – Ministro afirma que não faltará vacina para população que já tomou a primeira dose

O Globo – Covid-19: entidades de saúde denunciam operadora que pressiona médicos a prescreverem medicações sem eficácia

G1 – Leite materno de mães vacinadas tem anticorpos contra Covid

G1 – Governo de SP entrega hospital de campanha com 1/3 dos leitos previstos

G1 – Agências dos EUA recomendam pausa na aplicação da vacina da Johnson após 6 casos de coágulos em 7 milhões de doses aplicadas

G1 – Eutanásia: “não se trata de algo banal, nem de um novo normal”, diz professor holandês

G1 – Kajuru e Bolsonaro: de xingamentos a ‘limonada’, o que há no polêmico áudio sobre CPI da pandemia

G1 – Variante britânica não aumenta gravidade da Covid nem casos de reinfecção, mas é mais transmissível, sugerem estudos

G1 – Em meio a alta de casos de Covid-19, Índia autoriza vacina Sputnik V

Alego – Projeto pretende conceder isenção de imposto a portadores de visão monocular

Correio Braziliense – Covid-19: coquetel freia a infecção dentro de casa; eficácia chega a 81%

Correio Braziliense – Fracassa ensaio clínico de tratamento anticovid da AstraZeneca

Correio Braziliense – Por que sedentarismo pode ser tão prejudicial quanto cigarro

Correio Braziliense – Planalto age para mudar o foco da CPI da Covid no Senado

Valor Econômico – Biomm recebe autorização para precificar tratamento para covid-19

Valor Econômico – Queiroga diz que Guedes garantiu que não faltará recurso para Saúde: “Estou acreditando nele”

Valor Econômico – Ministro da Saúde da Áustria renuncia por excesso de trabalho durante a pandemia

Valor Econômico – Agências dos EUA recomendam suspender vacina da J&J após casos de coágulos

Valor Econômico – Apoio fiscal nos EUA é excessivo e arriscado, adverte Summers

Valor Econômico – 83% dos imunizantes aplicados no país são Coronavac

Valor Econômico – CDC sugere fechar Estado dos EUA para evitar nova onda

Valor Econômico – Queiroga afasta militares e mantém indicado do Centrão em ministério

Valor Econômico – Rede pede que STF obrigue governo a incluir grávidas entre prioridades na vacinação

Valor Econômico – Governo discute possível proposta para gastos de saúde fora do teto para abrir espaço a emendas

Valor Econômico – Novas barreiras no comércio internacional podem afetar 22% das exportações brasileiras, diz CNI

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »