PROFISSIONAL SEM REVALIDA SÓ PODERÁ ATUAR DENTRO DO MAIS MÉDICOS, DIZ MINISTRO

//PROFISSIONAL SEM REVALIDA SÓ PODERÁ ATUAR DENTRO DO MAIS MÉDICOS, DIZ MINISTRO

O portal do G1 destacou que todos os profissionais formados no exterior deverão fazer o Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior Estrangeira (Revalida) para atuar no Brasil. Mas mesmo sem conseguir ser aprovado na avaliação, segundo o ministro da Saúde Gilberto Occhi, o profissional poderá atuar no programa Mais Médicos. “Há uma demanda muito grande de médicos brasileiros formados no exterior e também estrangeiros que se formam no exterior, em seus países e vem ao Brasil. Todos eles poderão atuar neste momento no programa Mais Médicos, mas obrigatoriamente todos eles devem fazer a prova do Revalida que é uma prova escrita, prática e ao passar, poderá atuar como médico mesmo fora do programa Mais Médicos. Se ele não passa, ele poderá atuar apenas no programa Mais Médicos”, disse o ministro durante visita a São José do Rio Preto, no interior de São Paulo. A segunda etapa da seleção para os Mais Médicos começa nesta terça-feira (11) e vai até 14 de dezembro. A primeira fase foi para cadastro de profissionais que tem o registro médico no país, o CRM. “O Revalida continua valendo para os profissionais formados no exterior que queiram atuar no país fora do programa Mais Médicos”, afirma o portal.

 

Proposta que exige data de validade de forma legível nos remédios é aprovada em comissão



A Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 8910/2017, do deputado Antonio Carlos Mendes Thame (PV-SP), que determina que o número de lote e as datas de fabricação e validade dos medicamentos sejam impressas nos rótulos e embalagens de forma visível, ostensiva e acessível para o consumidor. De acordo com a Agência Câmara, a proposta inclui dispositivo na Lei de Vigilância Sanitária sobre Produtos Farmacêuticos (6.360/76). O texto foi aprovado na forma de substitutivo apresentado pela relatora, deputada Leandre (PV-PR). Ela acrescentou a determinação que as informações sobre lote e datas apareçam “em negrito e destacado” e “em cores que mantenham nítido contraste entre as informações impressas e o respectivo suporte da inscrição, sendo vedado o uso exclusivo de relevo positivo ou negativo.” “O substitutivo incorpora ainda sugestão do PL 10.237/18, do deputado Celso Russomanno (PRB-SP), para que seja negado registro ao medicamento que não atenda as especificações relativas à veiculação do lote e das datas de fabricação e validade”, informa a notícia.

 

Comissão aprova medidas para conscientizar população sobre direitos de pessoas com deficiência

 

A Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência da Câmara dos Deputados aprovou projeto de lei 6923/17 que inclui entre os deveres do Estado e da sociedade a adoção de medidas de conscientização pública sobre os direitos das pessoas com deficiência. Conforme a Agência Câmara, o texto institui ainda uma campanha nacional para estimular a contratação de pessoas com deficiência em grau médio e severo, e obriga os órgãos públicos a utilizarem, em placas e avisos, o símbolo conhecido como “A Acessibilidade” (The Accessibility, em inglês). O símbolo foi desenvolvido pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 2015 para aumentar a consciência sobre as pessoas com deficiência. O projeto é de autoria da ex-deputada Rosinha da Adefal (AL) e recebeu parecer favorável do deputado Carlos Gomes (PRB-RS). “Gomes apresentou um substitutivo que altera a Lei Brasileira de Inclusão (Lei 13.146/15), o poder público e as organizações sociais públicas e privadas, inclusive os órgãos da mídia, promoverão campanhas anuais de conscientização pública sobre os direitos das pessoas com deficiência”, enfatiza a Agência.

 

Microambiente tumoral pode esconder resposta contra o câncer



Nosso corpo é composto por bilhões de células. As saudáveis crescem, se dividem normalmente e sabem exatamente a hora de parar de crescer. Já as células cancerosas, graças a alterações em seu material genético, crescem e se dividem descontroladamente. Com a meta de evitar esses efeitos negativos e ter tratamentos mais eficazes, vários estudos que estão em andamento buscam criar maneiras mais eficientes e menos tóxicas de eliminar o câncer. É o que informa o Blog Cadê a Cura do jornal Folha de S. Paulo. Imagine que retiramos cirurgicamente uma parte do tumor de um paciente. Ao analisá-lo, veríamos que somente 50% das células ali são cancerosas. O restante delas forma o chamado microambiente tumoral. A maioria dessas células vêm do sistema imunológico e migram para dentro do tumor, ajudando a compor seu volume, a massa tumoral. Os demais componentes desse microambiente não estão simplesmente inertes dentro do tumor, eles também podem influenciar seu crescimento. Conhecer esse comportamento permitiu o desenvolvimento da imunoterapia, forma de tratar cânceres, cujas descobertas iniciais renderam o Prêmio Nobel de Medicina deste ano. “Nessa linha de pesquisa, desenvolvida na UFMG e apoiada pelo Instituto Serrapilheira, o que vimos até agora é que, alterando esses nervos geneticamente, conseguimos afetar o crescimento das células malignas. Isso abre as portas para uma possibilidade futura de tratamento que pode agir justamente no papel desses nervos no microambiente tumoral”, destaca a matéria.

 

SAÚDE NA IMPRENSA
Ministério da Saúde – Mais Médicos: 53% dos profissionais já se apresentaram nos municípios 

 

Ministério da Saúde – Cinco cidades do interior de SP terão adicional de R$ 23,2 mi para ampliar assistência

 

Ministério da Saúde – Educação permanente qualifica ações de saúde aos indígenas

 

SUS Conecta – Indígenas do Mato Grosso do Sul aprovam propostas para 6ª Conferência Nacional de Saúde Indígena

 

Fiocruz – Seminário internacional debate direitos humanos e saúde

 

Fiocruz – Fiocruz integra estudo contemplado pelo Prêmio Abril & Dasa de Inovação Médica

 

Anvisa – Suspenso Sanctio Tônico Capilar da Yeva Cosmetiques

 

Anvisa – Acompanhe o lançamento do VigiMed

 

Anvisa – Acompanhe a 28ª reunião pública da Diretoria Colegiada

 

Câmara dos Deputados – Seguridade aprova proposta que cria acompanhamento nutricional em escolas públicas

 

Câmara dos Deputados – Comissão aprova pelo menos uma vaga para legislativo para candidato com deficiência

 

Câmara dos Deputados – Deputado federal Jair Bolsonaro é diplomado presidente da República

 

Câmara dos Deputados – Seguridade aprova proposta que exige data de validade de forma legível nos remédios

 

Câmara dos Deputados – Comissão aprova medidas para conscientizar população sobre direitos de pessoas com deficiência

 

Câmara dos Deputados – Comissão aprova assistência odontológica obrigatória em abrigos e instituições de longa permanência

 

Câmara dos Deputados – Comissão aprova proposta que prevê atendimento domiciliar para pessoa com deficiência

 

Câmara dos Deputados – Comissão de Seguridade debate aumento de imposto para bebidas com açúcar

 

Senado Federal – Ana Amélia defende regras para o lobby para reduzir a corrupção

 

Senado Federal – Dois últimos relatórios setoriais devem ser votados pela Comissão Mista de Orçamento esta semana

 

O Estado de S. Paulo – Mais Médicos tem 106 vagas que não foram ocupadas, segundo ministério

 

O Estado de S. Paulo – Menina síria sem pernas que improvisava latas para caminhar ganha prótese

 

O Estado de S. Paulo – Fausto Macedo – Justiça manda prender dois médicos que cobravam até R$ 8 mil de paciente para furar fila do SUS

 

O Estado de S. Paulo – Vencer Limites – Quem precisa de acessibilidade web?

 

O Estado de S. Paulo – Fausto Macedo – Assessor de deputado do Paraná cobrava ‘pacotinho’ no esquema fura-fila do SUS

 

O Estado de S. Paulo – Ciganas com recém-nascidos são mantidas à força em hospitais após dar à luz na Eslováquia

 

O Estado de S. Paulo – Coluna do Broadcast – Demanda por home care aumenta e pleno saúde vê receita crescer 30%

 

O Estado de S. Paulo – Nova Zelândia legaliza uso medicinal da maconha

 

O Estado de S. Paulo – MP-SP instaura inquérito para apurar restrição de atendimento no Hospital das Clínicas

 

Folha de S. Paulo – Mercado Aberto – Hospital na praia

 

Folha de S. Paulo – Microambiente tumoral pode esconder resposta contra o câncer

 

Folha de S. Paulo – Cientistas brasileiros criam pomada contra picada potencialmente letal de aranha

 

Folha de S. Paulo – Crise de fome se agrava no Iêmen, e 20 milhões sofrem desnutrição, aponta ONU

 

G1 – De todo o país, 83,9% das vagas que não foram preenchidas do Mais Médicos estão no Amazonas

 

G1 – Profissional sem Revalida só poderá atuar dentro do Mais Médicos, diz ministro

 

G1 – Cuidados paliativos: 70% poderiam ser tratados em casa

 

G1 – Licopeno: o antioxidante que ajuda a prevenir câncer e faz bem para o coração

 

G1 – Mãe dá à luz na sala de espera de hospital no RJ; vídeo

 

G1 – DF tem déficit de quase 200 médicos em unidades básicas de saúde

 

O Globo – Artigo: Mil passos ou dez medicamentos?

 

O Globo – Cinco aplicativos gratuitos que ajudam no controle de calorias ingeridas

 

Valor Econômico – 5 soluções tecnológicas que dão mais eficiência para a medicina

 

Valor Econômico – Aplicações na medicina diagnóstica se multiplicam

 

Zero Hora – Hospital de Clínicas lança agendamento online para doações de sangue

 

Zero Hora – Doença misteriosa que causa paralisia em crianças tem recorde de casos nos EUA

 

Correio Braziliense – Fundação ampara portadores de HIV e dependentes químicos no Recanto

 

Alagoas 24 horas – Mano Walter pede doações para custear tratamento milionário de bebê com doença rara

 

Jus – A judicialização como forma de garantir o direito à saúde no Brasil

 

Panorama Farmacêutico – Sai reajuste salarial de empregados de farmácia

 

Panorama Farmacêutico – Anvisa aprova medicamento oral da Pfizer para pacientes reumáticos

 

Panorama Farmacêutico – Venda do setor farmacêutico sobe 8,7%

 

Panorama Farmacêutico – Primeiro remédio específico para compulsão alimentar é aprovado

 

Panorama Farmacêutico – Anvisa faz estudo para reduzir custos com burocracia

 

__________________________________________________________________________________________

O Boletim NK, produzido pela NK Consultores Relações Governamentais, é uma compilação das principais notícias publicadas em meios de comunicação do país sobre temas ligados ao setor.

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.