Poucas farmacêuticas têm fôlego para atender o Brasil, diz Pazuello

Home/Informativo/Poucas farmacêuticas têm fôlego para atender o Brasil, diz Pazuello

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, manifestou nesta quarta-feira (2) preocupação com a capacidade dos principais laboratórios do mundo de entregar ao Brasil o volume de vacinas necessário para imunizar a população contra a covid-19. De acordo com ele, no máximo três empresas conseguiriam atender toda a demanda. De acordo com o Valor Econômico durante audiência no Congresso Nacional, Pazuello classificou como “pífios” os números apresentados por várias farmacêuticas. O ministro também fez críticas à propaganda feita em torno das vacinas, que sugere que já estaria tudo pronto para o início da imunização. “Na campanha publicitária está tudo bem e maravilhoso, mas quando você vai apertar é bem diferente”, criticou Pazuello. Pazuello informou ainda que o Brasil começará a receber em janeiro de 2021 um lote de 15 milhões de doses da vacina do laboratório AstraZeneca, desenvolvida em parceria com a Universidade de Oxford e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). As entregas, de acordo com ele, devem acontecer até o fim de fevereiro. O acordo para essa vacina prevê a chegada de 100 milhões de doses no primeiro semestre do ano que vem. Após a transferência de tecnologia, o Brasil estaria apto a produzir outras 160 milhões de doses durante a segunda metade de 2021. Esse acordo foi fechado por R$ 1,9 bilhão. Nesta quarta-feira (2), a presidente da Fiocruz, Nísia Trindade, anunciou em audiência que a instituição vai precisar de cerca de R$ 2 bilhões para a produção de 110 milhões de doses de vacina no segundo semestre de 2021. O plano da Fiocruz estabelece, ao todo, a oferta de 210,4 milhões de doses no ano que vem, das quais 110 milhões no segundo semestre. É para esse segunda leva, de acordo com a presidente da instituição, que são necessários recursos adicionais. Na audiência, Nísia destacou que o cronograma “vem sendo cumprido”, com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) realizando inspeções nas áreas de produção. Além disso, a expectativa é de submissão “em breve” do registro de vacina à agência reguladora. A primeira leva de doses, com 30 milhões de unidades, está prevista para ser entregue em fevereiro.

Indústria de saúde produziu menos equipamentos em 2020, diz pesquisa

A indústria brasileira de equipamentos para saúde produziu 7,2% menos entre janeiro a setembro na comparação com o mesmo período de 2019, segundo a Abiis, que representa o setor. A entidade diz que o cancelamento de cirurgias eletivas na pandemia do coronavírus contribuiu para o resultado negativo, destacou a coluna Painel S.A. da Folha de S.Paulo nesta quarta-feira (2). O número de vagas de emprego no segmento também caiu, foi 1,9% inferior em setembro ante dezembro do ano passado. As importações e exportações no setor, porém, cresceram 18,5% e 16,6%, respectivamente, neste ano, o que impulsionou a alta de 1,7% no consumo aparente dos produtos entre janeiro e setembro. O dado resulta da soma da produção industrial brasileira com as importações e desconta as exportações. Segundo a entidade, o avanço desse índice é reflexo do aumento das compras de equipamentos de proteção, como máscaras, usados no combate ao coronavírus, e que costumam ser importados. A Abiis afirma que a preocupação agora é com a segunda onda da Covid-19, que deve frear o avanço do consumo aparente.

Ministério aceita pagar R$ 57 milhões a mais para garantir imunoglobulina no SUS

Após novo cenário de desabastecimento e licitações desertas, o Ministério da Saúde deve conseguir manter estoque de imunoglobulina humana 5g no Sistema Único de Saúde (SUS) pelo menos até o primeiro semestre de 2021, informou o Jota nesta quinta-feira (3). Para viabilizar a entrega de produtos sem registro no Brasil, a pasta terá que desembolsar R$ 56,7 milhões além do planejado. O medicamento é usado no tratamento de pacientes com imunodeficiências e outras doenças. No sistema público, faz parte do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica (CEAF), ou seja, o ministério é responsável pela compra e distribuição de acordo com as solicitações feitas pelas secretarias estaduais. Os imbróglios mais recentes envolvendo compras do insumo pela pasta se arrastam há dois anos. Em 2018, um contrato com o preço do medicamento acima do teto permitido, firmado com a Blau Farmacêutica, gerou uma representação no Tribunal de Contas da União (TCU). Como parte do desdobramento desse processo, o ministério realizou em 2019 um pregão com participação internacional. A licitação gerou a assinatura de três contatos em 2020, sendo dois com a empresa chinesa Nanjing Pharmacare e um com a empresa sul-coreana SK Plasma para o fornecimento de 400 mil frascos do produto. A falta de registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), porém, era um empecilho para a distribuição no SUS. A agência já havia recusado um pedido de importação excepcional do medicamento em setembro de 2019. Em março deste ano, após pressionar os diretores, afirmando que os estoques de imunoglobulina no país estavam “zerados”, o ex-ministro Henrique Mandetta conseguiu a autorização. A Anvisa, por sua vez, deixou claro que a liberação não significava o reconhecimento de qualidade, segurança e eficácia do produto. Depois disso, a empresa chinesa chegou a fornecer ao ministério 47.878 frascos de imunoglobulina humana 5g com valor unitário de R$ 698,32, mas paralisou a entrega em seguida. O motivo foi que o preço acordado no contrato seguinte, para fornecimento de mais 252.122 unidades a partir de abril, não contemplava custos adicionais relacionados à alta do dólar e dificuldades logísticas enfrentadas na pandemia da Covid-19.

Medicamentos biossimilares revolucionam o tratamento de doenças graves

Nesta quinta-feira (3) o Valor Econômico divulgou que, existe uma revolução em andamento no mundo dos medicamentos. Desenvolvidos na Europa há 15 anos, os remédios biológicos são capazes de lidar, com grande eficácia e segurança, de doenças para as quais o alcance dos tratamentos tradicionais é mais limitado. Diferentemente dos sintéticos, desenvolvidos com moléculas químicas específicas, a partir de processos bem definidos, os biológicos são formados a partir de princípios ativos gerados com base em seres vivos. “Se um medicamento sintético tivesse o tamanho da ponta de uma caneta, os biológicos seriam do tamanho de uma sala”, explicou Thiago Guia, diretor médico-científico da empresa de biotecnologia Bionovis. Os medicamentos biológicos são, portanto, muito mais difíceis de desenvolver. Mas têm utilidades enormes. O diretor-médico da Bionovis participou do webinar Biossimilares, o que são e quais os seus impactos na sua vida e no mercado nacional. Assim como os genéricos são cópias dos produtos sintéticos, os biossimilares são criados a partir dos biológicos – com a diferença de que, como os processos são muito mais complexos, o resultado final é levemente diferente, dentro de uma margem de segurança. Na Europa, onde esse mercado está mais avançado, a introdução de biossimilares permitiu a economia de 98 bilhões de euros, informou Rafael Alencar, diretor da IQVIA Consulting Brasil. Já para o setor privado, a lista de medicamentos que os planos de saúde são obrigados a disponibilizar para os pacientes é definida pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) – o chamado Rol de Procedimentos é atualizado a cada dois anos. Com o objetivo de criar seus próprios medicamentos biológicos e biossimilares, o governo brasileiro vem investindo na transferência de tecnologia a partir de nove parcerias de desenvolvimento. Segundo Thiago Guia, o Ministério da Saúde é o maior comprador de biológicos e biossimilares do mundo.

SAÚDE NA IMPRENSA

Agência Senado – MP que libera recursos para compra de vacina será votada no Senado nesta quinta

Agência Senado – Se eleições não levam a aumento de casos, não deve haver novo lockdown, afirma ministro

Agência Senado – Brasil recebe 15 milhões de doses de vacina contra covid até fevereiro, diz ministro

Agência Senado – Lasier Martins questiona suposto acordo para reeleição de presidentes da Câmara e do Senado

Agência Senado – Girão pede que sociedade pressione STF contra reeleição para mesas do Congresso

Agência Câmara – Primeira-secretária apresenta plataforma que vai facilitar atuação de lideranças

Agência Câmara – Câmara aprova MP que libera recursos para vacina de Oxford contra a Covid-19

Agência Câmara – Fiocruz precisa de mais recursos para produzir vacina contra coronavírus

Agência Câmara – Ministro diz que poucas vacinas atendem às necessidades do Brasil

Agência Câmara – Projeto que libera prestador de serviço de metas com o SUS neste ano vai à Câmara

Anvisa – Webinar Anvisa: Diálogos Regulatórios Internacionais – ICH

Anvisa – Visa em Debate aborda monitoramento e avaliação

Anvisa – Anvisa define requisitos para pedidos de uso emergencial de vacinas

Anvisa – Concluído terceiro dia de inspeção na China

Anvisa – Anvisa seleciona consultor para assessoramento em OKR

ANS – 104ª Reunião da Câmara de Saúde Suplementar

Agência Saúde – Brasil Registra 5.698.353 milhões de pessoas recuperadas

Agência Saúde – Ministério da Saúde realiza evento internacional para profissionais de saúde

Conitec – Medicamento à base de canabidiol para tratamento de EM não será incorporado ao SUS

Governo Federal – Segurados do INSS receberão diferença da antecipação de auxílio-doença concedido até o fim de outubro

Governo Federal – Governo é contra flexibilizar utilização da cannabis

Governo Federal – Calendário de pagamento de benefícios de 2021 já está disponível

Opas – OPAS pede melhora no acesso à saúde para populações afrodescendentes no contexto da COVID-19

Opas – Novo relatório das Nações Unidas revela a desigualdade na distribuição geográfica da má nutrição na América Latina e no Caribe

Jota – Ministério aceita pagar R$ 57 milhões a mais para garantir imunoglobulina no SUS

Jota – Anvisa cria regras para pedido de uso emergencial de vacina

Agência Brasil – USP busca voluntários para testar vacina contra HIV

Agência Brasil – Brasil tem 49,8 mil novos casos de covid-19 e 698 mortes em 24 horas

Agência Brasil – Covid-19: Anvisa divulga regras para autorização emergencial de vacina

Agência Brasil – Anvisa anuncia publicação de guia para autorização de vacinas

Agência Brasil – Covid-19: volume de vacinas ainda é insuficiente para atender o Brasil

Agência Brasil – Ministério vai buscar vacina de excelência, diz Pazuello no Congresso

Correio Braziliense – Vacinas contra a covid-19 são seguras, mesmo criadas em tempo recorde

Correio Braziliense – ONU retira maconha da lista de drogas mais perigosas

Folha de S.Paulo – Consumo das famílias cresce 7,6% e puxa comércio e indústria

Folha de S.Paulo – Doria recebe insumos da Coronavac em aeroporto com faixa ‘vacina do Brasil’

Folha de S.Paulo – EUA registram 3.157 mortes pela Covid-19 e batem recorde diário de óbitos

Folha de S.Paulo – Promotores de SP pedem prioridade à categoria na vacinação contra Covid-19

Folha de S.Paulo – Um em cada cinco pacientes internados por Covid na capital paulista mora em outra cidade

Folha de S.Paulo – SUS: apoteose ou apocalipse?

Folha de S.Paulo – Entidades da saúde farão ato em apoio à democracia e a Padilha em congresso de saúde mental

Folha de S.Paulo – Primeiro dia de fase amarela tem ruas cheias e aglomeração no centro de SP

 Folha de S.Paulo – Bolsonaro diz para não ser cobrado por possíveis efeitos colaterais de vacina contra Covid-19

Folha de S.Paulo – Bolsonaro veta CPMF e governo quer que Guedes deixe Congresso com ônus de buscar reforma tributária

Folha de S.Paulo – Indústria de saúde produziu menos equipamentos em 2020, diz pesquisa

Folha de S.Paulo – Câmara aprova liberação de R$ 1,9 bilhão para compra de vacinas contra Covid-19

Folha de S.Paulo – PIB do Brasil tem crescimento recorde de 7,7% no 3º tri, abaixo das projeções

O Estado de S.Paulo – Lote com insumos da Coronavac chega a SP; Estado tem 1,1 milhão de doses da vacina contra covid-19

O Estado de S.Paulo – Grupo de promotores de São Paulo diz que ‘não é questão de egoísmo’ e pede para ser vacinado com prioridade

O Estado de S.Paulo – Propor vacinação só em março e alcançar no máximo 1/3 da população em 2021 é um crime

O Estado de S.Paulo – ONU decide retirar a cannabis da lista de medicamentos mais nocivos

O Estado de S.Paulo – Câmara aprova MP para comprar vacina de Oxford

O Estado de S.Paulo – Câmara aprova MP que destina R$ 1,9 bilhão para vacina de Oxford

O Estado de S.Paulo – Anvisa abre caminho para acelerar uso emergencial de vacinas

O Estado de S.Paulo – Rússia deve iniciar vacinação em massa contra covid na semana que vem

O Estado de S.Paulo – Casos de covid nas Américas aumentaram quase 30% em novembro, alerta OPAS

O Estado de S.Paulo – Coronavírus não foi feito na França e vacinas não são uma iniciativa ‘globalista’ para reduzir a população

O Estado de S.Paulo – União Europeia critica rápida aprovação da vacina da Pfizer pelo Reino Unido

O Estado de S.Paulo – Pasternak sobre plano de vacinação: ‘Compatível com a OMS’

O Estado de S.Paulo – EUA atingem número recorde de mortes por covid-19, e autoridades creem que pior pode estar por vir

O Estado de S.Paulo – OS pagou empresas de turismo e eventos com verba de hospital no Anhembi, diz CPI

O Globo – PIB: o ano em que a saúde ditou os rumos da economia

O Globo – Falha de segurança no Ministério da Saúde expõe dados de 243 milhões de brasileiros

O Globo – Fiocruz alerta que Saúde do Rio volta a apresentar ‘sinais de colapso’

O Globo – Covid-19: Especialista diz que novo colapso na Saúde do Rio era previsível e ‘poderia ter sido evitado’

O Globo – ‘Só aplicaremos vacinas registradas na Anvisa’, diz ministro da Saúde

G1 – Como uma dieta vegana pode afetar sua inteligência

G1 – Obama, Bush e Clinton se oferecem para promover campanha de vacinação contra a Covid nos EUA

G1 – Diretor do Butantan diz que CoronaVac deve estar disponível para vacinação em janeiro de 2021

G1 – Moscou vai começar vacinação contra Covid-19 no sábado, diz prefeito

G1 – Itália proíbe viagens no Natal e ano novo para conter nova onda da Covid

G1 – EUA passam de 100 mil hospitalizados por Covid-19 pela 1ª vez; mortes em um só dia também chegam ao seu maior número

G1 – Lote com 600 litros de insumos para fabricação da vacina CoronaVac chega a São Paulo

G1 – Algumas lições sobre o manejo da insônia e do estresse

G1 – Pesquisa investiga hormônio que ‘desliga’ a fome e pode ajudar no combate a obesidade

G1 – Coronavírus: os melhores e os piores países para se estar na pandemia

G1 – Câmara aprova MP que destina R$ 1,99 bi para ‘vacina de Oxford’ contra Covid-19

Valor Econômico – Medicamentos biossimilares revolucionam o tratamento de doenças graves

Valor Econômico – Poucas farmacêuticas têm fôlego para atender o Brasil, diz Pazuello

Valor Econômico – Europa prepara logística para vacinação contra a covid-19

Valor Econômico – Com mais de 100 mil hospitalizados, EUA têm recorde de mortes por covid-19

Valor Econômico – Qualicorp e Júnior chegam a acordo sobre venda de ações e Qsaúde

Valor Econômico – Reino Unido aprova vacina e iniciará logo a vacinação

Valor Econômico – Vacina traz esperança para a economia mundial

Valor Econômico – Vacina só deve chegar a clínica privada em 2022

Valor Econômico – RJ começa a agendar testes de covid-19 por aplicativo nesta quinta-feira

Valor Econômico – Hospitalizações por covid-19 nos EUA atingem o recorde de 100 mil

Valor Econômico – Câmara aprova MP que destina R$ 1,9 bilhão para produção da vacina pela Fiocruz

Valor Econômico – Nova York espera receber primeiras doses de vacina da Pfizer no dia 15

Valor Econômico – Clínicas privadas só devem ter vacina contra covid-19 em 2022

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »