Plenário da Câmara aprova MP do Rol da ANS

Home/Informativo/Plenário da Câmara aprova MP do Rol da ANS

Plenário da Câmara aprova MP do Rol da ANS

O plenário da Câmara dos Deputados acaba de aprovar a Medida Provisória (MP) 1067/21, que modifica o processo de atualização do Rol de procedimentos da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) — lista de cobertura obrigatória no âmbito da saúde suplementar, informou o Jota. A MP foi apresentada pelo governo como alternativa ao veto presidencial ao Projeto de Lei 6330/19, que previa a obrigatoriedade do fornecimento de quimioterápicos orais pelos planos de saúde. Após semanas de debate, os parlamentares chegaram ao consenso de incorporar pontos do PL dos quimioterápicos à MP, contemplando algumas discussões previstas nos dois textos. Entre os principais pontos do substitutivo aprovado estão: A incorporação de antineoplásicos orais que não será automática, a expansão do prazo para o fornecimento dos antineoplásicos orais pelo plano e também o prazo de incorporação previsto na MP que foi mantido. O texto do parecer da relatora, deputada Silvia Cristina (PDT-RO), foi aprovado por unanimidade. A proposta segue agora para o Senado. A MP perderá validade se a tramitação não for concluída até 10 de fevereiro.

Governo aguarda decisão do STF para publicar nova portaria sobre entrada de viajantes no Brasil

O ministro da Justiça, Anderson Torres, afirmou nesta terça-feira (14) que o governo federal só irá editar uma nova portaria com regras para a entrada no Brasil após o Supremo Tribunal Federal (STF) analisar o recurso contra a decisão que obrigou a exigência de comprovação de vacinação. Segundo o Globo, o governo tem duas versões prontas e aguarda a decisão da Corte para publicar o novo documento. A data ainda não foi definida. Na segunda-feira (13), a Advocacia-Geral da União (AGU) questionou o STF se a decisão do ministro Luís Roberto Barroso vale apenas para estrangeiros ou se deve ser aplicada também para brasileiros que moram no Brasil e retornam de viagem ao exterior. De acordo com Torres, uma nova portaria interministerial será publicada, mas apenas após a decisão do STF. Para acessar a matéria completa, clique aqui.

Integrantes do movimento antimanicomial acusam governo de dificultar realização de conferência de saúde mental

Integrantes do movimento antimanicomial acusam o governo de dificultar a realização da 5ª Conferência Nacional de Saúde Mental, prevista para maio de 2022. Em audiência pública da Comissão de Legislação Participativa da Câmara dos Deputados, André Ferreira, do Movimento Nacional de Luta Antimanicomial, resumiu os problemas, informou a Agência Câmara. Os participantes da audiência também disseram que o governo está promovendo ações contrárias à lei da Política Nacional de Saúde Mental, em vigor desde 2001. Segundo eles, o investimento público está sendo direcionado para hospitais psiquiátricos e comunidades terapêuticas, em vez de instituições como os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS). Segundo a assessora técnica da Coordenação de Saúde Mental do Ministério da Saúde Giselle Nunes Mendes de Souza, as falas estão equivocadas. Ela destacou que o governo investiu em saúde mental R$ 400 milhões em um ano, contra R$ 33 milhões em 2018. Ela acrescentou que a gestão atual apoia, sim, a realização da conferência. Para acessar a matéria completa, clique aqui.

Revalida seguirá protocolo de prevenção à covid-19, diz Inep

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) realizará, neste sábado (18) e domingo (19), a segunda etapa do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituição de Educação Superior Estrangeira (Revalida) 2021. O exame ocorrerá em 22 cidades do país e seguirá protocolo de prevenção à covid-19 nos dois dias de aplicação. Segundo a Agência Brasil,de acordo com o Inep, o uso de máscara de prevenção à covid-19, cobrindo nariz e boca, será obrigatório, durante todo o período em que o participante permanecer no local de aplicação da prova de habilidades clínicas. O instituto recomenda que a proteção seja de uso profissional, na modalidade N95 ou PFF2, e será permitido que o participante leve máscara reserva para troca durante a aplicação, garrafa de água e frasco com álcool 70%.Além de seguir o protocolo de biossegurança, o participante da segunda etapa do Revalida 2021 também deve comparecer ao local das provas com a documentação de identificação oficial com foto, válida, conforme previsto em edital. Também será obrigatório o uso de jaleco, de preferência na cor branca. Para acessar a matéria completa, clique aqui.

 

Veja outras notícias

Anvisa
Câmara Técnica de Tecnovigilância inicia atividades

Anvisa
Nota: atualização sobre cobrança de comprovante de vacina contra Covid-19 de viajantes

Anvisa
Anvisa disponibiliza dois novos painéis sobre alimentos

Anvisa
Relatórios Periódicos de Avaliação Benefício-Risco: Anvisa publica lista

Anvisa
Conselho de Usuários: publicadas primeiras consultas

ANS
ANS suspende a comercialização de 12 planos de saúde

CNS
CNS recomenda que governo retome nutricionistas para Programa de Alimentação do Trabalhador

CNS
CNS pressiona pela derrubada do veto presidencial à distribuição gratuita de absorventes

Agência Saúde
Ministério da Saúde e Fiocruz traçam estratégias para aumentar coberturas vacinais no país

Agência Câmara
Integrantes do movimento antimanicomial acusam governo de dificultar realização de conferência de saúde mental

Agência Câmara
Debatedores defendem inclusão de alunos com deficiência em escola regular e combate ao preconceito

Agência Câmara
Gestores alertam para impacto orçamentário de piso salarial e redução da jornada de enfermeiros

Agência Senado
CAS aprova estratégia contra o câncer infantil

Agência Brasil
OMS diz que 77 países já relataram casos da variante Ômicron

Agência Brasil
Revalida seguirá protocolo de prevenção à covid-19, diz Inep

Agência Brasil
Inca retoma Terapia Assistida por Animais com a cadela Hope

Folha de S. Paulo
Número 2 de Queiroga recomenda evitar festas e Carnaval por causa da ômicron

Folha de S. Paulo
Câmara aprova MP que obriga planos a dar quimioterapia oral

Folha de S. Paulo
Pílula para Covid é quase 90% eficaz em análise final, diz Pfizer

Folha de S. Paulo
Pílula anti-Covid da MSD pode trazer riscos para grávidas

O Globo
Após questionamento do governo, Barroso diz que pessoas que tiveram covid precisam mostrar comprovante de vacinação

O Globo
Governo aguarda decisão do STF para publicar nova portaria sobre entrada de viajantes no Brasil

Valor Econômico
Passaporte da vacina é exigido de forma parcial na chegada ao Brasil

Valor Econômico
Vacina da Pfizer é menos eficaz em prevenir internações pela ômicron, diz estudo

Valor Econômico
AGU pede ao STF revogação do passaporte de vacina para entrar no Brasil

G1
Como Brasil entrou em lista de ‘alto risco’ de volta da pólio

G1
Anvisa diz que equipes fazem abordagem ‘amostral’ de passageiros para checar comprovante de vacinação

Jota
Plenário da Câmara aprova MP do Rol da ANS

Medicina S/A
Desaceleração da pandemia impulsiona retomada de cirurgias eletivas