No segundo dia de depoimento de ex-ministro da saúde, questionamentos da CPI focam na crise do Amazonas

Home/Informativo/No segundo dia de depoimento de ex-ministro da saúde, questionamentos da CPI focam na crise do Amazonas

A sequência do depoimento do ex-ministro Eduardo Pazuello (Saúde) à CPI da Covid do Senado nesta quinta-feira (20) reforçou as acusações de omissão do governo federal para enfrentar o colapso do sistema de saúde no Amazonas, durante a primeira e a segunda ondas da pandemia do novo coronavírus. Segundo a Folha de S.Paulo durante a sessão, o presidente da comissão, Omar Aziz (PSD-AM), também solicitou que um relatório parcial das investigações da CPI seja concluído pelo relator, o senador Renan Calheiros (MDB-AL). No dia anterior, o general tentou blindar o presidente Jair Bolsonaro, reagiu algumas vezes a Renan, relator da comissão, e mentiu em ao menos quatro oportunidades sobre sua gestão na pandemia. Nesta quinta, o depoimento de Pazuello foi retomado, após ter sido suspenso no dia anterior para que fosse realizada sessão do Senado com votação de projetos. Estava inicialmente previsto que a reunião da CPI seria retomada no mesmo dia, mas Omar Aziz avaliou que estava tarde e ainda havia muitos inscritos. Além disso, o ex-ministro chegou a passar mal, sendo atendido pelo senador Otto Alencar (PSD-BA), integrante da comissão que é médico. Pazuello, porém, negou que estivesse passado mal a ponto de não poder continuar seu depoimento. Na segunda etapa do depoimento, grande parte das questões abordadas foram referentes ao colapso do sistema de saúde do Amazonas, em especial de Manaus. Pazuello afirmou, por exemplo, que a decisão de não intervir na saúde amazonense em abril do ano passado não foi dele, e sim tomada em uma reunião ministerial, com a presença de Bolsonaro. “Essa decisão não era minha. Ela foi levada ao conselho de ministros. O governador se apresentou ao conselho de ministros e se justificou. E foi decidido, nesse conselho, que não haveria [a intervenção].” “Foi levado à reunião de ministros com o presidente. E o governador, presente, se explicou, apresentou suas observações. E foi decidido pela não intervenção. Foi dessa forma que aconteceu”, completou. Em relação à crise posterior no Amazonas, em janeiro deste ano, Pazuello se eximiu de responsabilidades pelos problemas, principalmente pela falta de oxigênio, que resultou na morte de pessoas asfixiadas. O general disse que a responsabilidade pela aquisição dos insumos e suprimento dos cilindros era do governo local e também das empresa fornecedora.

EUA aceitam texto sobre patentes de vacinas para cúpula de saúde 

Os EUA saíram de seu isolamento e hoje cedo aceitaram o texto da declaração dos líderes das maiores economias do mundo que será divulgado nesta sexta-feira na Cúpula Global de Saúde, que delineará planos para acelerar o combate à pandemia de covid-19. O Valor Econômico apurou que o texto negociado, agora com sinal verde americano, inclui apoio tanto a flexibilidades previstas no Acordo de Trips (Propriedade Intelectual) como também a promoção do licenciamento voluntário de patentes para tentar aumentar a produção de vacinas contra a covid-19. O Acordo de Trips permite a licença compulsória e, portanto, o uso da patente sem autorização de seu titular, condicionado a certas condições, ‘’visando proteger os interesses legítimos do detentor da patente’’. No começo do mês, o presidente Joe Biden sinalizou uma reviravolta na posição americana e deu apoio à suspensão temporária de patentes para vacinas contra a covid-19. No entanto, nas negociações de preparação da Cúpula de Saúde, sob a presidência rotativa da Itália no G-20, os americanos se isolaram e não queriam sequer mencionar as flexibilidades de Trips na declaração dos líderes. Somente nesta quinta-feira (20) cedo, a delegação de Washington afinal aceitou o que já tinha sido negociado pelos outros países, contemplando as duas opções – tanto a quebra de patente como o licenciamento voluntário. Pela postura americana, o que se pode esperar em negociações nas próximas semanas na Organização Mundial do Comércio (OMC) parece ser realmente algo como “terceira via”, para facilitar o uso das flexibilidades no Acordo de Trips, sem, porém, dar o sinal verde completo para quebra de patentes. A Cúpula Global de Saúde ocorrerá amanhã com participação virtual de líderes das maiores economias, reunidas no G-20, além de alguns países convidados, dirigentes de organizações internacionais e regionais. Se ela vai realmente acelerar a entrega de vacinas para os países em desenvolvimento, é outra história.

Governo negocia vacina chinesa de dose única 

O Ministério da Saúde está negociando a aquisição da vacina contra a covid-19 desenvolvida pelo laboratório chinês CanSino Biologics, informou o Valor Econômico. O pedido de uso emergencial do imunizante, aplicado em dose única, foi apresentado anteontem à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Batizada de Convidecia, a vacina demonstrou eficácia de 65% para casos sintomáticos e de 91% para casos graves. Produzido a partir de um adenovírus humano não replicante, o imunizante foi desenvolvido em parceria com a Academia de Ciências Médicas Militares da China. Tanto o volume da compra como o calendário de entregas ainda estão em negociação. Representada no Brasil pela Belcher Farmacêutica, a vacina já tem autorização de uso em países como Paquistão, Hungria, Chile e México, além da China. A produção é realizada em unidades industriais na China, na Malásia, no Paquistão e no México. A negociação se soma a outras iniciativas que vêm sendo tomadas pelo novo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, para ampliar o rol de vacinas disponíveis no país. Envolto ao bombardeio diário da CPI da Covid, o governo quer desfazer a imagem de que se opôs à vacinação como principal estratégia de ataque ao surto. Nesta quarta-feira (19), Queiroga anunciou que se reuniu com representantes da farmacêutica americana Moderna, visando trazer a vacina da empresa para o Brasil. “Conversei nesta quinta-feira (20) com representantes da Moderna, momento em que expressei o interesse do Ministério da Saúde e do governo brasileiro em firmar parcerias com a fabricante para o fornecimento de vacinas com alta capacidade de resposta a variantes da covid-19”, afirmou o ministro. Na terça-feira (18), a equipe de Queiroga conversou com executivos da Janssen para verificar a possibilidade de antecipação de doses da vacina, já contratada pelo governo. O cronograma mais atualizado mostra que todas as 38 milhões de doses da vacina – também de dose única – só devem chegar no quarto trimestre. O ministério também está tentando encurtar o cronograma de entregas da Pfizer. Foi formalizado nesta semana um segundo contrato com a empresa, para 100 milhões de doses adicionais de vacina. O novo contrato prevê entregas apenas a partir de outubro, mas o governo quer que as doses comecem a chegar antes.

União Química finaliza produção do primeiro lote de Sputnik V a ser distribuído na América Latina  

O laboratório União Química liberou nesta quinta-feira (20) um lote de 100 mil doses da vacina Sputnik V fabricadas no Brasil para distribuição na América Latina. De acordo com a Folha de S.Paulo é a primeira vacina contra Covid produzida em um laboratório privado no país. Ainda não há, entretanto, autorização da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para uso do imunizante no país. A apresentação do lote foi feita em entrevista à imprensa, na sede do laboratório em Guarulhos (SP) com a participação do vice-presidente de operações, José Luís Junqueira, de Paula Melo, vice-presidente de qualidade, assuntos regulatórios e inovação, e de Daniel Araújo, diretor de assuntos regulatórios. A vacina Sputnik V, de duas doses, usa dois adenovírus de resfriado comum, o Ad26 e o Ad5. Neles é inserido um trecho do RNA do coronavírus, responsável por codificar a proteína S (de “spike” ou espícula, estrutura usada pelo vírus para se ligar às células do hospedeiro) para produzir a resposta imune no organismo. Por ora, toda a produção da União Química será destinada à importação por outros países. Um acordo entre o Instituto Gamaleya, que desenvolveu a vacina na Rússia, o Fundo Russo de Investimento Direto (RDIF, na sigla em inglês) e a farmacêutica prevê a produção da Sputnik V em território nacional para o próprio Gamaleya fornecer e distribuir essas doses para países na América Latina. Os executivos do laboratório não divulgaram ainda quais serão os países que vão receber esse lote, a serem definidos pelo próprio fundo russo. Cerca de 150 doses de cada componente da vacina foram enviadas para análise ao Gamaleya, a fim de realizar todos os controles de qualidade e aprovar a produção. A capacidade de produção da União Química é de 8 milhões de doses por mês, atingindo até 100 milhões de doses por ano. Os lotes produzidos e envasados pela União Química são apresentados na forma de ampolas unidose, e podem ser armazenados em refrigerador comum (2ºC a 8ºC). Além disso, o laboratório nacional também faz análises de controle de qualidade microbiológico e de envase, como conferência dos rótulos e da documentação.

SAÚDE NA IMPRENSA

STF – Trabalhador com deficiência pode ser considerado dependente para dedução do IR 
Agência Câmara – Projeto obriga UTIs de hospitais públicos a terem serviço de assistência social 
Agência Câmara – Iluminação verde no prédio da Câmara Lembra Dia Nacional de Combate ao Glaucoma (26 de Maio) 
Agência Senado – Comissão da Covid-19 debate na sexta infecção de gestantes, lactantes e jovens 
Agência Senado – Senado aprova liberação mais ágil de mercadorias importadas para combate a pandemias 
Agência Senado – Projeto que prevê passaporte sanitário será tema de sessão temática 
Agência Senado – Girão critica projeto sobre comercialização de produtos feitos com cannabis 
Agência Senado – Senadores confrontam afirmações de Pazuello sobre compra de vacinas 
Agência Senado – Senadores questionam Pazuello sobre falta de oxigênio em Manaus 
Agência Senado – CPI pode quebrar sigilos de Pazuello e superintendente 
Agência Senado – Pazuello nega interferência de Bolsonaro contra compra da CoronaVac 
Agência Senado – Colapso em Manaus: senadores apontam contradições na fala de Pazuello 
Agência Senado – Pazuello nega que o Ministério da Saúde tenha incentivado o uso de cloroquina 
Agência Senado – Depoimento de Pazuello na CPI da Pandemia continua nesta quinta-feira 
Agência Senado – Antes de retomar depoimento de Pazuello, CPI deve votar 27 requerimentos 
Agência Senado – A CPI dia a dia 
Anvisa – Nota: informações pendentes para a autorização dos estudos clínicos da Butanvac 
Anvisa – Nova data: webinar sobre o papel da Corregedoria da Anvisa 
Anvisa – Acompanhe a 9ª Reunião da Diretoria Colegiada 
Anvisa – Nota: vacinação profissionais da Anvisa 
Anvisa – Anvisa recebe pedido de autorização para uso emergencial da vacina do laboratório CanSino 
ANS – Resultados da 549ª Reunião da Diretoria Colegiada 
Agência Saúde – Brasil recebe mais 629 mil doses da vacina da Pfizer 
Agência Saúde – “Doar leite materno é um ato de amor em dobro”, afirma Queiroga em lançamento de campanha de doação 
Agência Saúde – Segunda dose da AstraZeneca deve ser aplicada após o fim da gestação e puerpério 
Agência Saúde – Saúde distribui quantidade necessária de vacinas para segunda dose da Coronavac 
Governo Federal – Rádio e grafeno viram aliados em terapia contra câncer ósseo 
Jota – Pazuello isenta Bolsonaro e nega ordem para cancelar compra da Coronavac 
Jota – TCU quer mais transparência em emendas parlamentares 
Agência Brasil – Lei que flexibiliza atendimento médico para gestantes é sancionada 
Agência Brasil – Pandemia faz cair detecção precoce de glaucoma 
Agência Brasil – Abastecimento de bancos de leite cai em 20 estados e no DF 
Agência Brasil – Pesquisa da UFMG desenvolve teste que detecta covid-19 pela urina 
Agência Brasil – Covid-19: Butantan receberá lote de insumos menor que o esperado  
Agência Brasil – Maio Cinza chama atenção para o câncer de cérebro 
Agência Brasil – Abin tem competência para investigar desvios de recursos da pandemia 
Agência Brasil – Instituto Nacional de Cardiologia no Rio pede doações de sangue 
Agência Brasil – CPI: Pazuello diz que não foi orientado a indicar tratamento precoce  
Folha de S.Paulo – General vira recruta na CPI  
Folha de S.Paulo – Bolsonaro blindado, vacinas da Pfizer e crise em Manaus; veja cinco pontos da fala de Pazuello na CPI  
Folha de S.Paulo – Quase 2 milhões tomaram segunda dose de vacina contra Covid-19 fora do prazo no país  
Folha de S.Paulo – Pazuello é escudo de presidente lunático, diz leitor
Folha de S.Paulo – Quase 90% das empresas de tecnologia da saúde faturaram menos na pandemia 
Folha de S.Paulo – Bolsonaro sanciona lei que estende validade de receitas de pré-natal e facilita atendimento para grávidas e puérperas  
Folha de S.Paulo – A CPI virou BBB 
Folha de S.Paulo – Grávidas que já tomaram AstraZeneca devem receber segunda dose só 45 dias após parto  
Folha de S.Paulo – Redes veem ‘arrogância’ na postura de Pazuello na CPI; governistas falam em ‘altivez’ 
Folha de S.Paulo – Bolsonaro é o grande responsável pela bateção de cabeça na vacinação 
O Estado de S.Paulo – ‘Precisamos nos cuidar bem sempre’, diz endocrinologista e clínico Jairo Hidal 
O Estado de S.Paulo – O 1º tempo de Pazuello na CPI e Salles encalacrado; ouça no ‘Estadão Notícias’ 
O Estado de S.Paulo – Gestantes vacinadas com AstraZeneca devem tomar segunda dose após fim do puerpério 
O Estado de S.Paulo – Até onde vai o jogo do passa-adiante na CPI da Covid? 
O Estado de S.Paulo – OMS defende isolamento mesmo com eficácia de vacinas contra variantes 
O Estado de S.Paulo – Alertas e proteção para a primeira infância 
O Estado de S.Paulo – Sem insumos, imunização pela metade 
O Estado de S.Paulo – Ministro do TCU indicado por Bolsonaro cita ‘preocupações’ com gestão Pazuello 
O Estado de S.Paulo – A farda invisível e a missão cumprida de Pazuello na CPI 
O Globo – Secretaria de Saúde abre sindicância sobre falso médico em UPA e quer que OS devolva salários  
O Globo – Exército iniciou compra de cloroquina antes de aval da Saúde  
O Globo – Planos de Saúde: ANS confirma nesta quarta índice de reajuste de contratos, que ficarão mais baratos  
O Globo – Indicado de Pazuello se negou a apurar suspeitas em contratos milionários do Ministério da Saúde no Rio  
O Globo – Consulta médica por telefone mais do que dobra na Amil 
G1 – Covid: 5 erros comuns no uso da máscara, como tocar na parte externa 
G1 – China afirma que fornece vacina a 40 países da África 
G1 – Covid: testes insuficientes e desorganizados deixam Brasil no escuro para controlar a pandemia 
G1 – Jovem nos EUA arrecada 400 quilos em suprimentos médicos para cidade da avó na Índia 
G1 – A invenção que tornou a vacinação em massa possível 
G1 – Pazuello diz que ministério tinha protocolo com cloroquina para grávida com Zika; especialistas rebatem 
Correio Braziliense – CPI da Covid: confira principais pontos do primeiro dia do depoimento de Pazuello  
Correio Braziliense – Maio Cinza: 11.090 casos de câncer cerebral deverão surgir no Brasil este ano 
Valor Econômico – Depoimento da “capitã cloroquina” é transferido para terça-feira 
Valor Econômico – EUA aceitam texto sobre patentes de vacinas para cúpula de saúde 
Valor Econômico – Fui divulgador pessoal de medidas preventivas em ocasiões específicas, diz Pazuello 
Valor Econômico – Tipo de vacina pode determinar rapidez para fim de pandemia 
Valor Econômico – Sugestão de aplicativo para covid foi de secretária Mayra Pinheiro, repete Pazuello 
Valor Econômico – Painel de especialistas no Japão aprova uso de vacinas da Moderna e da AstraZeneca 
Valor Econômico – Médicos temem 3ª onda de covid-19 ainda mais virulenta em SP, diz jornal 
Valor Econômico – Pazuello tenta blindar Bolsonaro e é acusado de faltar com a verdade 
Valor Econômico – Patentes e colonização tecnológica 
Valor Econômico – Governo negocia vacina chinesa de dose única

Valor Econômico – Parceiros no G-20 temem recuo dos EUA na quebra de patente de vacinas 
Valor Econômico – Google terá ferramenta para doenças da pele 
Alesp – Isenção de ICMS para a saúde

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »