Mato Grosso do Sul terá unidades móveis e postos avançados para socorrer animais atingidos por incêndios florestais

//Mato Grosso do Sul terá unidades móveis e postos avançados para socorrer animais atingidos por incêndios florestais
O Centro de Reabilitação de Animais Silvestres de Mato Grosso do Sul (Cras) montou postos avançados e vai ter unidades móveis para oferecer os primeiros socorros aos animais feridos pelos incêndios florestais no estado, informou o G1 nesta quarta-feira (16). Desde o início do ano o estado sofre com queimadas. Segundo Dados do Prevfogo, o Centro Nacional de Prevenção e Combate aos incêndios florestais do Ibama, somente no Pantanal de Mato Grosso do Sul, os incêndios florestais já destruíram 1,165 milhão de hectares. Além da vegetação do biomas, os animais tem sido muito atingidos com a situação. Encurralados pelo fogo, eles acabam morrendo ou ficam gravemente feridos. Na região de Corumbá e Ladário, ambas no Pantanal sul-mato-grossense, que sofre com as intensas queimadas, a recepção contará com apoio da Polícia Militar Ambiental (PMA), onde será montado um centro de atendimento. A Universidade Federal de Mato Grosso do Sul também disponibilizou uma base de pesquisa na estrada-parque para receber animais atingidos pelo fogo. Conforme a médica veterinária e coordenadora do Cras, Aline Bitencourte Duarte, uma das unidades móveis já está em Alcinópolis, no norte do estado. A região sofre com as intensas queimadas e 40% do Parque Estadual das Nascentes do Rio Taquari e região já foi destruído. Segundo Aline, equipes da unidade atuarão no campo com bombeiros e equipes do Imasul, que estão atuando no combate ao incêndio. “Essa unidade vai dar o primeiro socorro e depois que esses animais ficarem estabilizados, eles serão enviados para o Cras, em Campo Grande. “Provavelmente nessa tarde já chegam os primeiros animais no Cras. Ládário e Corumbá também estão com um veículo para esse recolhimento de animais silvestres vitimas do fogo”, explicou. Ainda de acordo com a coordenadora, os voluntários e médicos veterinários das cidades que sofrem com os incêndios e que tiverem dificuldades com os animais silvestres feridos, poderão entrar em contato com o Cras para solicitar orientações. O Conselho Regional de Medicina Veterinária de Mato Grosso do Sul (CRMV) lançou uma campanha para ajudar os animais vítimas das queimadas. O órgão, por meio da “SOS Animais Silvestres”, está doando e recebendo doações de medicamentos e insumos para ajudar a tratar esses animais.

Vacinas para cães e gatos: veja as orientações para proteger o seu pet contra doenças

Assim como nos humanos, a vacinação é essencial para proteger cães e gatos contra diversas doenças. Os pets podem receber as imunizações desde o início da vida, com reforços anuais para garantir a proteção, destacou o G1 nesta quinta-feira (17). Especialistas recomendam, inclusive, que os tutores evitem levar o animal para passeios e locais públicos antes de estarem com a carteirinha em dia. As médicas veterinárias Alexandra Siedler e Camila Bronzato, de Sorocaba (SP), explicam que os filhotes têm maior pré-disposição para contrair doenças por terem um sistema imunológico menos eficiente em relação a um animal adulto. As vacinas estimulam o sistema imunológico do animal a produzir anticorpos. Quando ele entra em contato com a doença real, o organismo então é capaz de responder prontamente contra o agente infeccioso. “É importante que animais que ainda não possuem o esquema de vacinação completo não tenham contato com outros animais ou possíveis locais contaminados. É indicado que o pet seja levado até a clínica no colo, em caixas de transporte ou também pode-se optar pela vacinação em domicílio”, orientam. De acordo com as veterinárias, a vacina é considerada um método preventivo e por isso, deve ser aplicada somente em animais saudáveis. Após a vacinação, elas recomendam que o tutor evite dar banhos no pet e situações que causem estresse por uma semana. “Efeitos colaterais podem existir. Os efeitos brandos são mais comuns, como edema e sensibilidade no local da aplicação, febre e até mesmo apatia. Efeitos colaterais graves, como choque anafilático, são raros, mas podem ocorrer e o médico veterinário deve ser prontamente informado”, explicam. Embora possam haver reações, é indispensável a imunização dos pets para prevenir doenças graves e até mesmo a transmissão para as pessoas. Ainda segundo Alexandra e Camila, as vacinas essenciais para cães e gatos são as polivantes e a antirrábica.

Será aplicada multa para quem não socorrer animal em caso de atropelamento

O Projeto de Lei 1.915/2020, que deverá ser regulamentado no prazo de sessenta dias pelo Poder Executivo, tenciona obrigar todo motorista, motociclista ou ciclista a prestar socorro em caso de atropelamento animal. De acordo com publicação do portal Anda desta quarta-feira (16), elaborado pelo vereador Dr. Marcos Paulo (PSOL), o PL prevê multa aos infratores, sem excluir as punições já previstas na Lei 9.605/1998 em relação a infrações cometidas contra o meio ambiente. “Além de reafirmar o direito à proteção da vida dos animais (…), precisamos urgentemente defender e semear um novo pensamento: a vida, em todas as suas formas, merece ser protegida, cuidada e preservada”, reforça o vereador.

Câmara de Vereadores aprova projeto de criação de Samu para animais em Santos

Nesta quarta-feira (16) o G1 divulgou que, a Câmara de Santos, no litoral de São Paulo, aprovou em segunda votação o projeto de lei que autoriza a criação de um serviço de atendimento móvel veterinário, o SamuVet, para resgate e socorro de animais em vias públicas do município. A proposta agora segue para sanção do prefeito. O Projeto de Lei nº 4/2019 foi aprovado em sessão ordinária da Câmara realizada na última terça-feira (15). A proposta, de autoria do vereador Sérgio Santana (PL), visa o atendimento, principalmente, de animais que tenham sido atropelados em vias públicas, que estejam em situação de risco ou sejam vítimas de maus-tratos. De acordo com a proposta, o serviço terá funcionamento 24 horas e contará com veículo especializado para atendimento, com maca, caixa de transporte, materiais necessários para uma emergência e uma carreta acoplada para o atendimento a grandes animais. O projeto aponta, ainda, que o serviço do SamuVet somente será acionado pela Guarda Municipal, pela sessão de Zoonoses ou pela Coordenadoria de Defesa da Vida Animal (Codevida) de Santos. A equipe avaliará se o animal necessita de cirurgia, tratamento especializado ou se deve ser encaminhado à Zoonoses. Como justificativa, o vereador aponta que o objetivo é oferecer aos animais vítimas de abandono e maus-tratos o atendimento de urgência e emergência necessário para a preservação da vida. De acordo com ele, esse serviço já foi adotado em Florianópolis, Salvador e São Paulo. Aprovado em duas discussões pela Câmara de Vereadores, o projeto segue para avaliação da Prefeitura de Santos. Caso seja sancionada pelo prefeito, a proposta torna-se Lei Municipal e entra em vigor a partir da data de publicação no Diário Oficial do município.

NA IMPRENSA

Folha de S.Paulo – Sars-CoV-2 pode atacar células cerebrais em humanos e camundongos

O Estado de S.Paulo – Governo quer tirar verbas da Educação, Cidadania e Agricultura para fazer obras

G1 – Homem é preso com armas, peles e 12 crânios de onças em sítio de Candeias do Jamari, RO

G1 – Mulher que passeia com cobra em BH diz que ‘convivência com os animais é pura sinceridade’

G1 – Incêndios florestais em SP mais do que dobram em 2020; animais fogem do fogo, invadem áreas urbanas e nº de resgates aumenta

G1 – Câmara aprova projeto de criação de Samu para animais em Santos

G1 – MS terá unidades móveis e postos avançados para socorrer animais atingidos por incêndios florestais

G1 – Vacinas para cães e gatos: veja as orientações para proteger o seu pet contra doenças

Correio Braziliense – Efeito Dark? Milhares de pássaros caem do céu no Novo México

Correio Braziliense – Soro equino é testado em pacientes com covid-19 na Argentina

CNA – FAEP participa de grupo para combate à brucelose e à tuberculose

Agrolink – Tecnologias para produção de tambaqui e de banana são apresentadas na Agrolab Amazônia 2020

Agrolink – GO: cooperação entre Governo e Fundepec impulsiona a pecuária goiana

Agrolink – SIF registra aumento na emissão de certificados

Agrolink – Boi gordo: mercado em trajetória de alta

Agrolink – Maior produtor global de suínos quer ser “carbono negativo”

Agrolink – Software inédito no Brasil facilita a gestão de granjas de suínos

Agrolink – PR: Descomplica Rural auxilia em projeto de piscicultura

Agrolink – Oferta de suíno vivo segue restrita

Agrolink – Preço da arroba do boi segue operando nas máximas

Anda – Cadelinha dá à luz em canteiro de obras e dá prova de amor e coragem

Anda – Chimpanzé fêmea é presa em armadilha e espancada com uma barra de metal

Anda – Gatinho idoso dá exemplo de força após perder os olhos e superar um derrame

Anda – Cadela demonstra gratidão ao abraçar voluntária que a resgatou

Anda – Polícia resgata 197 animais explorados para venda após maus-tratos

Anda – Pinguim morre após engolir máscara descartada de maneira inadequada

Anda – Galinha que seria morta para consumo é adotada e tratada com carinho

Anda – Multas do Ibama despencam em meio a recorde de queimadas no Pantanal

Anda – Incêndio no Pantanal destrói 92% de fazenda considerada refúgio de araras-azuis

Anda – Será aplicada multa para quem não socorrer animal em caso de atropelamento

Anda – Projeto de lei exige que síndicos denunciem maus-tratos a animais em condomínios

Anda – Menino cria vínculo especial galinhas e canta canções de ninar para as aves

Portal do Agronegócio – Abate de frangos sob SIF recuou mais de 1% nos sete primeiros meses de 2020

Giro do Boi – Vendas de sêmen de bovinos de corte cresceram 188% na última década

Giro do Boi – Fazer tricross de Hanwoo em vaca F1 Angus x Nelore dá certo no Brasil?

Giro do Boi – Mesmo com pasto seco, produtor pode ter renda o ano todo usando boitel

SBA – Baixa oferta de animais mantém preço do suíno vivo valorizado

Noticias Agrícolas – Rabobank aponta novas oportunidades para proteína animal na China no pós Covid-19 e PSA
______________________

O Boletim NK, produzido pela NK Consultores Relações Governamentais, é uma compilação das principais notícias publicadas em meios de comunicação do país sobre temas ligados ao setor.

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »