LÍDER DO GOVERNO NO CONGRESSO NACIONAL É INDICADO PARA A ANVISA

//LÍDER DO GOVERNO NO CONGRESSO NACIONAL É INDICADO PARA A ANVISA

O presidente Michel Temer indicou, nesta terça-feira (18), o líder de seu governo no Congresso Nacional, deputado André Moura (PSC-SE), para um cargo na diretoria da Anvisa. A recomendação foi oficializada em portaria publicada no Diário Oficial da União. De acordo com o jornal Metrópoles, o Senado ainda precisa aprovar a indicação. Caso seja aprovado, Moura substituirá Jarbas Barbosa da Silva Júnior. O médico sanitarista deixou o cargo em julho, quando assumiu a diretoria adjunta da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas). “André Moura passa à frente do atual presidente da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), Rodrigo Sérgio Dias, que havia sido indicado para a diretoria da Anvisa em setembro. No Diário Oficial desta terça, Temer declina dessa recomendação”, destaca a publicação. Moura não tem formação na área médica, segundo informações da Câmara dos Deputados. O parlamentar formou-se em administração de empresas pela Faculdade Albert Einstein, de Brasília. Durante sua carreira política, André Moura foi prefeito de Pirambu (SE), deputado estadual e secretário de Integração de Serviços Públicos Metropolitanos de Sergipe. “Em outubro passado, ele disputou uma vaga para senador em seu estado, mas perdeu”, ressalta a matéria.

 

Carência de recursos do SUS é o grande desafio do novo governo



A carência que abate o SUS é o principal desafio para os próximos anos. A lenta recuperação econômica que mantém um contingente de milhões de desempregados afastou a população dos planos de saúde e, consequentemente, aumentou o volume de atendimentos públicos, que conta com recursos escassos. Conforme o jornal Correio Braziliense, para minimizar o problema, um dos caminhos apontados por observadores do setor é o investimento em atenção básica. Segundo eles, dessa forma, a longo prazo, o custo em medicina especializada cairá. A Organização Pan- Americana da Saúde (Opas) está preocupada com o que ocorrerá com a população devido ao subfinanciamento da saúde pública. A entidade teme que avanços, como vacinação, combate à mortalidade infantil, redução de doenças e a distribuição de medicamentos fiquem severamente comprometidos. Alcides Miranda, presidente do Centro Brasileiro de Estudos de Saúde, classifica como “crônico” o subfinanciamento do SUS. Ele aponta dois pontos para tentar diminuir o deficit. O primeiro é o investimento em atenção primária, que são serviços básicos, como consultas e tratamentos menos invasivos. O especialista diz que esse ciclo reduziria gastos com atenção especializada, como grandes cirurgias e internações longas. “Além disso, é preciso a regionalização de saúde”, destaca o jornal.

 

São Paulo aprova projeto que garante ao doente terminal direito de ‘morrer em paz’



A colunista Cláudia Collucci do jornal Folha de S. Paulo destacou que passou quase que despercebida a aprovação pela Assembleia Legislativa de São Paulo, na última quinta (12), de um importante projeto de lei (PL 231/2018) que trata da nossa liberdade de escolha de tratamentos na reta final da vida e, em última instância, do direito de morrermos em paz. De autoria do deputado Carlos Neder (PT), o projeto se aplica a pacientes dos serviços públicos e privados e depende da sanção do governador para se tornar lei estadual. A expectativa é de que, depois disso, o tema ganhe força para se tornar uma lei federal. Inspirado em legislações europeias, como da Espanha e da Itália, o projeto avança nas regras de proteção à autonomia dos direitos do paciente e das obrigações médicas, como a informação clínica, o consentimento informado e o direito de o doente dispor previamente sobre suas escolhas em caso de enfermidade terminal e perda da consciência. No Brasil, isso ainda parece impensável. De qualquer forma, o projeto paulista não deixa de ser um avanço. O consentimento informado é uma peça fundamental no exercício da medicina, seja como um direto do paciente em aceitar, negar ou interromper tratamentos, seja como dever moral e legal do médico em respeitar essa decisão, amparado legalmente. “Mesmo que o governo paulista venha a sancionar o projeto, há ainda um longo caminho pela frente até que essas novas diretrizes sejam incorporadas na rotina dos cuidados ao paciente terminal”, informa a colunista.

 

Aprovado documento orientador da 16ª Conferência Nacional de Saúde



O documento que deve apoiar os debates para a 16ª Conferência Nacional de Saúde foi aprovado pelo plenário do Conselho Nacional de Saúde (CNS), durante a 312ª Reunião Ordinária, realizada nos dias 12 e 13 de dezembro. É o que informa o portal do SUS Conecta. A 16ª Conferência será realizada entre os dias 4 e 7 de agosto de 2019. Ela tem como tema central “Democracia e Saúde” e seus eixos temáticos são: Saúde como Direito, Consolidação dos Princípios do SUS e Financiamento do SUS. O documento orientador aborda as questões relacionadas ao tema central e aos eixos temáticos definidos para a 16ª CNS, também chamada de 8ª+8 como um resgate a memória da 8ª Conferência Nacional de Saúde, realizada em 1986, considerada histórica por ter sido um marco para a democracia participativa e para o SUS. Ele foi elaborado a partir do acúmulo do que foi produzido no âmbito do CNS nos últimos anos e da consulta a documentos oficiais e produções acadêmicas relacionadas. O documento também apresenta perguntas ao final de cada tema, a fim de estimular os debates. Para ter acesso ao documento, clique aqui.

 

SAÚDE NA IMPRENSA
Ministério da Saúde – Saúde libera R$ 14 mi para ampliar assistência no Rio Grande do Norte 

 

Ministério da Saúde – DEGES apresenta panorama sobre a RET-SUS em evento do FNCE

 

SUS Conecta – Aprovado documento orientador da 16ª Conferência Nacional de Saúde

 

SUS Conecta – CNS reprova Projeto de Lei Orçamentária Anual para o ano de 2019

 

Fiocruz – Eliminação da malária é tema do programa Sala de Convidados

 

Fiocruz – Oficina de Avaliação do Ensino debateu a qualidade das escolas não universitárias do campo da saúde

 

Alesp – Entrega de Unidade Mista de Saúde em Igaratá

 

Alesp – Opinião: 30 anos de atuação em prol da saúde!

 

Câmara dos Deputados – Seguridade isenta de impostos a importação de equipamentos para o SUS

 

Câmara dos Deputados – Seguridade Social aprova política de treinamento no SUS sobre órteses e próteses

 

Câmara dos Deputados – Comissão aprova multa para quem estacionar em vaga de idoso ou deficiente

 

Câmara dos Deputados – Seguridade aprova proposta que regulamenta parceria de entes federativos na saúde

 

Senado Federal – Congresso pode votar vetos e Orçamento nesta terça

 

Senado Federal – CAS faz balanço de atividades no biênio 2017/2018

 

O Estado de S. Paulo – Família tenta arrecadar R$ 2,2 milhões para salvar bebê com doença rara

 

O Estado de S. Paulo – Suspeita de amianto em talco infantil preocupa EUA

 

O Estado de S. Paulo – Fausto Macedo – Moro põe subprocuradora-geral na Secretaria Nacional de Justiça

 

O Estado de S. Paulo – Retrospectiva 2018: Conflito agrava crise econômica e humanitária no Iêmen

 

O Estado de S. Paulo – STF retomará em junho de 2019 julgamento sobre porte de maconha

 

O Estado de S. Paulo – Fausto Macedo – Justiça condena hospital a pagar R$ 150 mil em indenizações por erro médico

 

O Estado de S. Paulo – Pessoas geneticamente modificadas já andam entre nós

 

O Estado de S. Paulo – Educação alimentar desde a primeira infância cria hábitos saudáveis

 

Folha de S. Paulo – Cláudia Collucci – SP aprova projeto que garante ao doente terminal direito de ‘morrer em paz’

 

Folha de S. Paulo – Mercado Aberto – Selo de segurança

 

Folha de S. Paulo – Contra velhos desafios, mudança de gestão

 

G1 – Dos pés à cabeça, os problemas de saúde que a tecnologia pode causar

 

G1 – Desafios na luta contra o sarampo podem fazer Brasil perder certificado de erradicação em 2019

 

G1 – Mais Médicos: termina prazo para profissionais brasileiros se apresentarem nos municípios

 

G1 – Casais que envelhecem juntos substituem implicância por afeto

 

G1 – Mais Médicos: 10 mil profissionais formados no exterior se inscreveram no programa

 

G1 – À espera do 13º salário, servidores estaduais fazem greve em hospitais de BH e fecham Detran

 

G1 – Nova Zelândia anuncia referendo sobre uso recreativo da maconha

 

G1 – Filha traduz para Libras músicas do Three Days Grace para pai deficiente auditivo durante show

 

O Globo – Temer indica André Moura, réu no STF, para diretoria da Anvisa

 

O Globo – Dasa oferece exame para doenças infecciosas que dispensa intervenções invasivas

 

O Globo – Artigo: ‘Quanto resta de vida, doutor?’

 

O Globo – Bolsonaro encomenda plano de metas a futuros ministros

 

O Globo – Confira cinco hábitos de fim de ano que prejudicam a pele

 

O Globo – Fazer carinho reduz sensação de dor em bebês, diz estudo

 

Valor Econômico – Setor privado aposta em acesso mais direto ao governo

 

Zero Hora – PUCRS inaugura Laboratório de Engenharia de Usabilidade de Produtos para a Saúde

 

Zero Hora – Farmácia de Medicamentos Especiais abre com uma hora e meia de atraso por falta de luz

 

Correio Braziliense – Rodrigo Rollemberg afirma que fará oposição a Ibaneis e Bolsonaro em 2019

 

Correio Braziliense – Paciente com fratura na perna terá de esperar 40 dias por cirurgia

 

Correio Braziliense – Carência de recursos do SUS é o grande desafio do novo governo

 

Contexto Exato – Pesquisadores investigam dois dos sintomas comuns da fibrose cística

 

Metrópoles – Derrotado nas urnas, líder do governo é indicado para a Anvisa

 

Panorama Farmacêutico – Pharmexx Brasil lança universidade corporativa

 

Panorama Farmacêutico – Justiça determina que SC contrate técnicos para as farmácias do Hospital Infantil

 

Panorama Farmacêutico – Zika: apenas 35% dos bebês com microcefalia têm estímulo precoce

 

Panorama Farmacêutico – Farmácia Viva promove o uso terapêutico de plantas medicinais

 

Srzd – Ator Luis Gustavo tem suspeita de câncer

 

Terra – Ana Furtado comemora fim do tratamento contra câncer: ‘Vitória’

 

__________________________________________________________________________________________

O Boletim NK, produzido pela NK Consultores Relações Governamentais, é uma compilação das principais notícias publicadas em meios de comunicação do país sobre temas ligados ao setor.

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.