JUSTIÇA PROÍBE DENTISTAS DE FAZER PROCEDIMENTOS ESTÉTICOS NO ROSTO

//JUSTIÇA PROÍBE DENTISTAS DE FAZER PROCEDIMENTOS ESTÉTICOS NO ROSTO
Conforme o jornal O Globo informou, desde 15 de dezembro de 2017, os dentistas não podem mais fazer qualquer procedimento na face para fins exclusivamente estéticos. A decisão é da Justiça Federal no Rio Grande do Norte, e foi tomada após pedido realizado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBPC). Na prática, ela suspende a resolução emitida pelo Conselho Federal de Odontologia (CFO) pouco mais de um ano antes, que dava aos dentistas a permissão para fazer tais cirurgias. A SBPC alegou, na ação, que procedimentos estéticos invasivos na face extrapolam a área de atuação dos dentistas e colocam em risco a saúde dos pacientes. A juíza Moniky Mayara Costa Fonseca, da 5ª Vara Federal em Natal, concordou com os argumentos. Luciano Chaves, presidente da SBCP, afirma que procedimentos deste tipo não fazem parte do alcance das atividades a ver com a odontologia.

Algum interesse ela tem, diz ministro sobre médica que critica droga vetada

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, disse que a presidente do hospital Boldrini, Silvia Brandalise, parece ter “algum interesse” na compra do medicamento Aginasa, usado no tratamento de leucemia linfoide aguda. Brandalise foi uma das principais vozes a protestar quando o governo federal substituiu o Aginasa, fabricado no Japão em parceria com a Alemanha, pelo LeugiNase, que foi vetado pela Justiça em setembro, porém, ainda distribuído pela rede, como revelou a Folha de S.Paulo. A declaração de Barros foi feita à rádio CBN. O governo informou que recomendou que hospitais e Estados não interrompessem o tratamento com L-asparaginase porque a sentença, diz o órgão, é de “cunho gerencial” e foi cumprida. A decisão proíbe a União de comprar e distribuir o remédio, o que o Ministério da Saúde diz não ter feito mais. Barros não fez qualquer menção, na entrevista à CBN, ao fato de ter permitido a continuidade do tratamento com uma droga que a Justiça entendeu que não tinha eficácia comprovada. Segundo Barros, o LeugiNase “atestadamente é bom”.

Resposta imunológica ao zika também pode ser causa da microcefalia, sugere pesquisa

Pesquisadores da Universidade de Yale, nos Estados Unidos, chegaram à conclusão de que as anomalias fetais advindas da infecção pelo vírus da zika podem ocorrer de forma conjunta: tanto o vírus quanto proteínas do sistema imunológico ativadas para combatê-lo podem provocar abortos e prejudicar o desenvolvimento de bebês. De acordo com o G1, a pesquisa foi publicada na sexta-feira (5) na “Science Immunology” e liderada pelo imunobiologista Akiko Iwasaki, de Yale. Agora, pesquisadores acreditam que o Interferon está ligado às anomalias. Para testar essa hipótese, pesquisadores acasalaram cobaias. Depois, infectaram fêmeas gestantes com o vírus da zika. Como resultado do experimento, fêmeas tiveram fetos com e sem o receptor. “Cientistas acreditam que, o que leva ao aborto na gravidez é a resposta imunológica e não necessariamente o vírus. Mais testes, contudo, ainda são necessários para que essa relação seja melhor estabelecida”, diz parte da pesquisa.

Roche e GE firmam parceria para desenvolver plataforma de diagnósticos

A farmacêutica suíça Roche informou, nesta segunda-feira (08) que está formando uma parceria com a divisão de produtos de saúde da americana General Electric (GE) para desenvolver e comercializar uma plataforma digital de auxílio a diagnósticos médicos. É o que informa o Valor Econômico. O software combinará as informações obtidas por equipamentos de imagens e monitoramento da GE com os acumulados da Roche em patologia tecidual e sequenciamento genético. O foco inicial das empresas será oferecer produtos que ajudem nas decisões sobre opções para o tratamento de câncer e doenças graves. “Acreditamos que esta aliança ajudará a acelerar a disponibilização de tratamentos de precisão, com origem em dados, para clientes, pacientes e o setor da saúde”, disse, em nota, o presidente da GE Healthcare, Kieran Murphy.

SAÚDE NA IMPRENSA
Ministério da Saúde – Ministro da Saúde anuncia recursos para municípios do Paraná

Anvisa – Esclarecimentos sobre o medicamento Palbociclibe

Fiocruz – Estudo inédito isola genes associados a dengue

Correio Braziliense – Série de exercícios faciais fortalece músculos e rejuvenesce o rosto

Folha de S.Paulo – Há cem anos, gripe espanhola matou mais de 50 milhões e deixou enigmas

Folha de S.Paulo – Julio Abramczyk – A fragilidade em idosos e a saúde bucal

Folha de S.Paulo – Drogas e vacinas não irão derrotar a dengue, afirma médico

Folha de S.Paulo – Algum interesse ela tem, diz ministro sobre médica que critica droga vetada

Folha de S.Paulo – Pela primeira vez, vício em games é considerado distúrbio mental pela OMS

G1 – Resposta imunológica ao zika também pode ser causa da microcefalia, sugere pesquisa

G1 – Secretaria da Saúde liberará vacinação contra a febre amarela em todo o Estado de SP

G1 – A participação decisiva da América Latina na história da pílula anticoncepcional – e por que ela não é comemorada

G1 – A mulher que se passou por cientista para entender a doença fatal e sem cura dos filhos

G1 – O que é a Síndrome de Lynch, a rara condição genética que pode ser a causa de câncer hereditário

O Globo – Tratamento para branquear pênis causa polêmica na Tailândia

O Globo – Proteína antiviral explica abortos e complicações em casos de zika

O Globo – Justiça proíbe dentistas de fazer procedimentos estéticos no rosto

O Estado de S.Paulo – Rio intensifica vacinação contra febre amarela em três cidades

O Estado de S.Paulo – Estado confirma 3 casos de febre amarela na Grande SP, com 2 mortes

Valor Econômico – Roche e GE firmam parceria para desenvolver plataforma de diagnósticos 

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.