EM 100 DIAS, LUIZ HENRIQUE MANDETTA FREIA ANÚNCIOS E BUSCA REORGANIZAÇÃO DO MINISTÉRIO DA SAÚDE

//EM 100 DIAS, LUIZ HENRIQUE MANDETTA FREIA ANÚNCIOS E BUSCA REORGANIZAÇÃO DO MINISTÉRIO DA SAÚDE
Com a promessa de rever programas-chave na saúde, o ministro Luiz Henrique Mandetta, teve os primeiros cem dias de gestão marcados por poucos anúncios e uma lista crescente de intenções. Excluídas agendas programadas, como o lançamento da campanha de prevenção do HIV e da vacinação contra a gripe, o ministro teve na reorganização da gestão dos hospitais federais do Rio de Janeiro, medida que inclui a oferta de cargos a militares, um dos poucos anúncios no período. Integrantes da pasta ouvidos pelo jornal Folha de S. Paulo dizem que a ordem inicial é de “revisão”. “É um trabalho que não aparece, mas organiza a casa”, diz o secretário-executivo substituto, Erno Harzheim. Entre os pontos em debate, estão uma reformulação no programa Mais Médicos, a elaboração de projetos para aumentar a cobrança da carteirinha de vacinação e a construção de um novo modelo de equipes da atenção básica, área que responde pelo atendimento em postos de saúde. O objetivo é criar um terceiro turno de atendimento, que duraria até 22h em algumas unidades. “Anunciada na última semana, a proposta foi bem recebida por representantes dos municípios, mas a aplicação ainda é vista com ressalvas por especialistas”, enfatiza o jornal.

Ministro da Saúde tenta evitar radicalização e comenta acerca do Mais Médicos

O jornal Folha de S. Paulo destacou que anúncio de mudanças no Mais Médicos é ponto visto com preocupação —sobretudo devido à falta de informações claras sobre o futuro do programa. Inicialmente, secretários da pasta chegaram a dizer que o programa seria extinto. Já Mandetta tem afirmado que a ideia é substitui-lo por um novo modelo, que seria centrado em áreas vulneráveis e distantes dos grandes centros. Donizetti Giamberardino, do Conselho Federal de Medicina, diz que a criação de uma carreira médica federal “é uma expectativa”. “O programa Mais Médicos ainda é baseado em bolsa, com vínculo precário e temporário. Estamos aguardando essa nova proposta.” Para ele, a medida deve ajudar a fixar médicos no interior. Porém, apesar de tentar evitar radicalizações, o ministro não conseguiu escapar de polêmicas. Como por exemplo, a extinção da Sesai (Secretaria Especial de Saúde Indígena) e repassar parte do atendimento a estados e municípios. Foi obrigado a recuar após protestos de índios por todo o país. Para especialistas, o silêncio em torno de alguns temas aponta para a possibilidade de interferência de uma agenda conservadora na saúde.

Falta de remédios preocupa pacientes com doenças crônicas e raras no Rio Grande do Sul

Uma audiência pública promovida pela Comissão de Cidadania e Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul nesta quarta-feira (10), às 9h40min, tratará das dificuldades para o acesso de pacientes a medicamentos da Farmácia Especial do Estado. De acordo com o jornal Zero Hora, diversas entidades relatam problemas e inconstância no repasse dos remédios. O governo do Estado afirma que o desabastecimento é pontual e vem ocorrendo em função da dificuldade no orçamento. A Associação Gaúcha de Doenças Inflamatórias Intestinais (AGADII) chegou a fazer denúncia ao Ministério Público (MP) no ano passado. “Tínhamos garantia para o mês de março, de agora em diante não sabemos como ficará. As faltas são constantes e a preocupação é grande, este medicamento é destinado a cerca de 13 enfermidades”, disse uma das diretoras da associação, Rosana Peixoto. O remédio referido é a Azatioprina, usada por pessoas em tratamento de doenças autoimunes ou transplantadas. Em São Leopoldo, segundo a Associação dos Portadores de Lúpus do Vale dos Sinos (Alureu), o problema é com a falta de medicamentos para doenças reumáticas. Conforme a presidente Izabel Teresinha Souza de Oliveira, 56 anos, já houve defasagem por uma, duas semanas consecutivas em outras oportunidades, mas nunca por mais tempo, como vem acontecendo agora. “Nós acompanhamos associações em todo o Brasil, o Rio Grande do Sul sempre teve uma situação complicada. Mas nunca esteve tão ruim como agora. E a explicação que nos dão é sempre a mesma: o Ministério da Saúde não comprou e, por isso, a Secretaria do Estado não recebeu para repassar”, disse.

Governo inicia liberação de preços de medicamento isento de prescrição

O governo iniciou um processo de liberalização dos preços de medicamentos isentos de prescrição médica (MIP). A medida, publicada na resolução número 2 da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED), retira a necessidade de fixação de preço-teto para parte dos produtos que as pessoas podem comprar livremente em farmácias, como dipirona e ibuprofeno. É o que informa o Valor Econômico. O texto cria três grupos dentro dos MIPs de forma a garantir um processo de implantação gradual dessa liberalização, reduzindo o risco de alta de preços ao consumidor. Hoje, parte do mercado já tem preço liberado e foi automaticamente inserido no grupo 1, em que não há teto de preços. Apesar de o governo buscar a liberação generalizada, parte dos MIPs deverá ter algum tipo de controle de preços, pelo fato de não terem muita concorrência. Esses casos serão encaixados no grupo 2 – faixa intermediária na qual não há limites de preços nas fábricas, mas há teto de valor para o varejo – e no grupo 3, com preço-teto nas duas etapas (fábrica e comércio). “A resolução prevê que os medicamentos poderão migrar de categoria, reduzindo ou elevando sua liberdade de precificação”, informa a matéria.

SAÚDE NA IMPRENSA
Anvisa – Inspeção a fábricas de medicamentos é tema de curso

Anvisa – Concurso #euprevinoinfecção

Fiocruz – Cuidado compartilhado foi tema de workshop no IFF

Hemobrás – Qualidade de vida aos pacientes do SUS

Ministério da Saúde – Brasil adota “imunização e vacinação” como tema do Dia Mundial da Saúde

Ministério da Saúde – Três em cada cem mortes no país podem ter influência do sedentarismo

Ministério da Saúde – Ministério da Saúde libera R$ 3,1 mi para o estado de São Paulo e Barretos

Ministério da Saúde – Semana “Saúde na Escola” aborda importância da vacinação

SUS Conecta – Saúde Universal: instituições comemoram Dia Mundial da Saúde em Brasília

Alesp – Pesquisadores buscam apoio para projetos na área da saúde

Alesp – População pobre é a que mais sofre com o abandono da saúde

Alesp – Santa Casa de São Joaquim da Barra recebe recursos de emenda parlamentar

Alesp – Hospital de Serrana começará a atender na próxima quinta-feira

Câmara dos Deputados – Comissão arquiva auditoria após TCU recomendar mudanças em programa de controle da sífilis

Câmara dos Deputados – Comissão Mista de Orçamento deve ser instalada na próxima terça-feira

Câmara dos Deputados – Comissão sobre MP que viabiliza empréstimos do FGTS para Santas Casas pode votar relatório nesta terça

Senado Federal – Styvenson defende projeto que permite saque do FGTS para educação e saúde

Senado Federal – Kajuru pede ao Ministério da Saúde atenção a doença rara em Goiás

Senado Federal – Modificações na Lei das Agências Reguladoras chegam à CTFC

Senado Federal – Remédios podem passar a ter venda fracionada obrigatória

Senado Federal – Boletins de ocorrência poderão conter dados sobre a condição de deficiência de vítimas

Senado Federal – Isenção do Imposto de Renda de aposentados com diabetes está na pauta da CAS

Senado Federal – Projeto prevê exame de saúde para criança que entra no ensino fundamental

Correio Braziliense – Exame detecta mosquitos infectados por vírus, como o zika

Correio Braziliense – Estudos mostram que obesidade está relacionada com diversos tipos de câncer

Correio Braziliense – Cidades que perderam profissionais do Mais Médicos terão financiamento

Correio Braziliense – Governador Ibaneis Rocha visita obras na UPA de Ceilândia

Correio Braziliense – A via crucis de crianças e idosos nas filas de hospitais do DF

Correio Braziliense – Além da clínica: psicólogos estão cada vez mais próximos da comunidade

Correio Braziliense – Rotina de cuidados para a pele

Correio Braziliense – Idosa tem parada cardiorrespiratória e morre na Asa Sul

Correio Braziliense – Campanha de vacinação contra a gripe começa esta semana em todo o país

Correio Braziliense – Caminhada na zona sul do Rio pede conscientização sobre autismo

Folha de S. Paulo – Cinco maneiras de aumentar o nível de energia sem tomar remédios

Folha de S. Paulo – Pacientes superam câncer, mas depois enfrentam outro desafio: a volta ao trabalho

Folha de S. Paulo – Estudo contesta teoria de que beber de forma moderada pode trazer benefícios à saúde

Folha de S. Paulo – França bane implante de silicone com textura por associá-lo a câncer raro

Folha de S. Paulo – Um quinto das mortes tem relação com dieta pobre, diz estudo

Folha de S. Paulo – Em testes, terapia brasileira elimina 95% dos tumores de pele não melanoma

Folha de S. Paulo – Em cem dias, ministro da Saúde freia anúncios e tenta evitar radicalização

Folha de S. Paulo – 1969: Em cirurgia inédita, coração de paciente é trocado por peça artificial

Folha de S. Paulo – A redução da tributação do cigarro é uma medida correta? Não

Folha de S. Paulo – A redução da tributação do cigarro é uma medida correta? Sim

Folha de S. Paulo – Por que farmácias do Uruguai estão desistindo de vender maconha

G1 – Criar filhos com déficit de atenção custa 5 vezes mais aos pais nos EUA, diz estudo

G1 – Por que comer é tão caro para quem tem alergia alimentar

G1 – Estudo contesta teoria de que beber de forma moderada pode trazer benefícios à saúde

G1 – Empresas desenvolvem óleo de canabidiol e mapeamento genético contra o autismo

G1 – Sarampo: Como uma doença evitável retornou do passado

G1 – Grupo organiza sessões de cinema adaptadas para crianças autistas no interior de SP

G1 – Morre menina do RN que passou por transplante de coração no Recife

G1 – Colapso na Saúde obriga venezuelanos a buscar socorro no Brasil

G1 – Saiba como se inscrever para fazer tatuagem de reconstrução de mamilos de graça em SP

G1 – Fungo resistente a medicações preocupa especialistas pelo mundo

O Estado de S. Paulo – Cientistas identificam genes relacionados à beleza

O Estado de S. Paulo – Cidade de SP registra o 2º caso de sarampo importado

O Estado de S. Paulo – Pesquisa indica 3,5 milhões de usuários de drogas ilícitas; governo rejeita dados

O Estado de S. Paulo – Acne na mulher adulta aumenta e guia para tratamento é atualizado

O Estado de S. Paulo – Número de mortos pelo Ebola na República Democrática do Congo chega a 702

O Estado de S. Paulo – Alergia alimentar foi tema de evento no Parque do Ibirapuera no domingo

O Estado de S. Paulo – A vida na mesa

O Estado de S. Paulo – São Paulo abre Virada da Saúde com evento no Parque Ibirapuera

O Estado de S. Paulo – R$ 100 mil para posto que é contestado por usuários

O Estado de S. Paulo – Registro de tuberculose que resiste a remédio triplica e chega a 3 por dia

O Estado de S. Paulo – Saúde quer ‘ensinar’ a usar dinheiro de emendas

O Estado de S. Paulo – Conheça os tipos de câncer mais comuns em homens e mulheres

O Globo – Em clima de segredo, um fungo fatal se espalha pelo mundo

O Globo – Campanha de vacinação contra a gripe começará na quarta-feira no Rio

Valor Econômico – Governo inicia liberação de preços de medicamento isento de prescrição

Valor Econômico – NotreDame Intermédica compra Hospital AMIU por R$ 40 milhões

Zero Hora – Governo do Estado acumula dívida de R$ 17 mi em repasses para saúde de Santa Maria

Zero Hora – Atividades marcam passagem do Dia Mundial do Autismo na Redenção

Zero Hora – Falta de remédios preocupa pacientes com doenças crônicas e raras no Estado

Zero Hora – Suplementos dietéticos contra a demência não funcionam

Zero Hora – A maconha comestível pode apresentar riscos

__________________________________________________

O Boletim NK, produzido pela NK Consultores Relações Governamentais, é uma compilação das principais notícias publicadas em meios de comunicação do país sobre temas ligados ao setor.

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.