CONDUTA ÉTICA NA SAÚDE É URGENTE E DEVE INCLUIR PACIENTES, ALERTAM CONSULTORES

//CONDUTA ÉTICA NA SAÚDE É URGENTE E DEVE INCLUIR PACIENTES, ALERTAM CONSULTORES
Reportagem do jornal O Globo dá destaque para o debate realizado na terça-feira (13) pela Med-Rio Check-Up e pelo escritório Siqueira Castro Advogados. No evento, realizado na Câmara de Comércio França-Brasil, no Rio de Janeiro, representantes das consultorias internacionais McKinsey & Company, KPMG Internacional e Ernst & Young reconheceram que o cenário político do país, representado principalmente pelas revelações da Operação Lava-Jato, tem levado a mudanças de paradigmas no setor de saúde no que diz respeito à ética. Gilberto Ururahy, diretor-médico da Med-Rio Check-UP — pioneira entre as clínicas no Rio de Janeiro no lançamento de um Código de Conduta, em 2016 — lembra que a ética e a transparência perpassam questões tão cotidianas do setor como a concessão de atestados médicos e a relação com fornecedores. Em meio a essa rotina, porém, há um fator sem preço: a vida. “Compliance é sinônimo de ética e transparência e é uma realidade que será disseminada nesse meio”, afirma Ururahy ao jornal O Globo.

Adesão a programas de compliance

O jornal O Globo ressalta que a representante da McKinsey & Company, Christiana Souto, propôs também uma reflexão sobre o papel do paciente na conduta ética em saúde. Ela apresentou iniciativas ao redor do mundo que estimulam a educação e o engajamento dos usuários destes serviços em um uso mais sustentável dos recursos. Uma dessas iniciativas é o Vitality, um seguro de saúde na Inglaterra que dá pontuações e benefícios aos usuários que mantêm um estilo de vida saudável. “O que os debates sobre o Obamacare, ou sobre o NHS [Serviço Nacional de Saúde da Inglaterra] estão mostrando é que a sustentabilidade financeira na saúde é uma demanda geral. No Brasil, os serviços de saúde são usados em uma média superior a outros países”, alertou Christiana. No que diz respeito à adesão de empresas do setor — farmacêuticas, clínicas, hospitais, seguradoras e laboratórios — a programas de compliance, Bernardo Lemos, sócio-diretor da KPMG, apresentou um levantamento da consultoria de 2016 sobre esse cenário. Segundo ele, em indicadores como o gerenciamento de canais de denúncias e a revisão de multas e passivos gerados por não conformidades, o setor apresentou alguns avanços em relação a outros tipos de empresas.

Jarbas Barbosa recebe homenagem por atuação em vacinas

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou uma homenagem feita ao diretor-presidente da Anvisa, Jarbas Barbosa, na segunda-feira (12), pela Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa (Interfarma), em São Paulo. Jarbas recebeu uma placa pelas importantes contribuições que tem dado ao desenvolvimento de ações protetivas da população brasileira por meio de programas de vacinação. Na ocasião da homenagem, o presidente da Interfarma, Antônio Britto, exaltou que “nomes como o de Jarbas Barbosa estão ligados à história internacional de sucesso do Brasil na imunização de sua população”. “Durante a apresentação que precedeu a entrega da placa, o presidente da Anvisa relembrou o sucesso das campanhas de vacinação feitas pelo Programa Nacional de Imunização (PNI) do Ministério da Saúde, lembrando que o PNI promove debates técnicos de alto nível antes de adotar qualquer decisão relativa ao uso de vacinas. A Interfama também lançou o livro ‘Como as Vacinas Mudaram um País’, o qual contou com a colaboração de Jarbas Barbosa em sua elaboração”, enfatiza a publicação no site da Anvisa.

Indicação da vacina de HPV será ampliada para meninos até 15 anos

O Ministério da Saúde ampliará a indicação de vacina para HPV. O documento oficial preparado pela pasta mostra que, a partir de junho, meninos entre 11 a 15 anos incompletos podem tomar o imunizante que protege contra o vírus. A ampliação da indicação da vacina contra HPV, no entanto, deve ser maior do que a comunicada no documento preparado pelo Ministério da Saúde. “Até o ano passado, por exemplo, a vacina estava disponível apenas para meninas entre 9 e 13 anos. A partir deste ano, a indicação foi ampliada para garotas de até 14 anos. A vacina ofertada no SUS para os garotos é quadrivalente, a mesma que, desde 2014, é oferecida para as meninas. O imunizante protege contra quatro subtipos do vírus HPV (6, 11, 16 e 18) e possui 98% de eficácia. Entre meninos, a vacina tem como objetivo proteger contra os cânceres de pênis, garganta e ânus, doenças que estão diretamente relacionadas ao HPV”, destaca trecho de reportagem do jornal O Estado de S.Paulo.

SAÚDE NA IMPRENSA
Ministério da Saúde – Ministério da Saúde lança plataforma exclusiva para promoção à saúde

Ministério da Saúde – Acordo com a indústria reduziu 17 mil toneladas de sódio dos alimentos

Ministério da Saúde – Ministério da Saúde lança Campanha Nacional de Doação de Sangue

Anvisa – Jarbas Barbosa: homenagem por atuação em vacinas

Anvisa – Aprovado novo medicamento para insônia

Anvisa – Consumo de medicamentos: informação é o melhor remédio

Inca – Paraná recebe equipamento do Plano de Expansão da Radioterapia

Fiocruz – Fiocruz realiza 2º Simpósio do Programa Fio-Câncer

Fiocruz – INI abre inscrições para atualização em farmocinética

Fiocruz – Ensp e Cebes lançam o livro “Direitos Humanos e Saúde: construindo caminhos, viabilizando rumos”

Fiocruz – Estudo evidencia características inéditas do parasito causador da doença de Chagas

Folha de S.Paulo – Estátuas amanhecem com curativo em SP para estimular a doação de sangue

Folha de S.Paulo – Comunidade terapêutica é risco para viciado instável, diz líder do Cremesp

Folha de S.Paulo – Comunidade terapêutica estimula lado espiritual, diz coordenador anticrack

Folha de S.Paulo – Ministério da Saúde quer proibir refil de refrigerante em fast-food

O Estado de S.Paulo – Indicação da vacina de HPV será ampliada para meninos até 15 anos

O Estado de S.Paulo – Alta procura e falta de estrutura afetam hospitais universitários do interior de SP

Correio Braziliense – Prevenção em duas etapas ajuda no controle da disseminação da hanseníase

O Globo – Cientistas da UFRJ descobrem um caminho para deter o mal de Alzheimer

O Globo – Cientistas criam substância bronzeadora que pode evitar câncer de pele

O Globo – Conduta ética na saúde é urgente e deve incluir pacientes, alertam consultores

Repórter News – Esclarecimentos sobre a contratação da empresa Home Care Medical Ltda

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.