BOLSONARO DESTACA CRESCIMENTO DA AVIAÇÃO AGRÍCOLA BRASILEIRA

//BOLSONARO DESTACA CRESCIMENTO DA AVIAÇÃO AGRÍCOLA BRASILEIRA

O presidente Jair Bolsonaro destacou, em sua conta do Twitter, nesta segunda-feira (11), o crescimento de aviação agrícola nacional. O Brasil tem a segunda maior frota aeroagrícola do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos. É o que informa o portal Agro em Dia. “A confiança na agricultura faz setor de aviação [agrícola] crescer e gerar empregos. A aviação agrícola brasileira entrou 2019 com 2.194 aeronaves, alta de 3,74% em relação ao ano de 2018. O Brasil segue com a segunda maior força aérea agrícola do planeta. Vamos voar mais longe!”, escreveu Bolsonaro. Além do trato de lavouras, a aviação agrícola é usada na semeadura, na aplicação de fertilizantes, no trato de floresta e no combate a incêndios florestais. De 30 de julho a 1º de agosto deste ano, o Sindicato Nacional das Empresas de Aviação Agrícola (Sindag) promoverá, em Sertãozinho (SP), mais uma edição do Congresso da Aviação Agrícola do Brasil, um dos maiores eventos do mundo no setor. “A expectativa é que a edição de 2019 registre novos recordes”, destaca o portal.

 

Contratação de crédito agropecuário soma R$ 119 bi em oito meses, em alta de 12%



A contratação do crédito empresarial do Plano Agrícola e Pecuário (PAP) entre julho e fevereiro alcança R$ 101,612 bilhões, o que representa 53% do total ofertado e 11% a mais do que o valor financiado em igual período do ano anterior. Conforme o portal do Mapa, na Agricultura Familiar a contratação soma, no período, R$ 17,87 bilhões, equivalentes a 67% do volume disponibilizado e 21 % acima do que foi contratado entre julho de 2017 e fevereiro de 2018. No total, o crédito agropecuário já aplicado alcança R$ 119,48 bilhões, em alta de 12% sobre igual período apurado no ano anterior. O total ofertado para o agronegócio (PAP) e a agricultura familiar é de R$ 217, 73 bilhões, dos quais foram negociados em oito meses 55%, em alta de 12% sobre igual período na safra anterior, de acordo com levantamento feito pela Secretaria de Política Agrícola do Mapa como base no Sistema de Operações do Crédito Rural e do Proagro, do Banco Central. As contratações se concentram nas modalidades de custeio, comercialização e industrialização que somam juntas R$ 79,42, bilhões. O valor do custeio foi de R$ 57,15 bilhões. Em seguida, o maior volume é o de investimentos, de R$ 22,18 bilhões. “Na safra em curso 2018/2019, o aumento de contratação na atividade agrícola foi de 13%, até agora, e na atividade pecuária, de 5%”, informa a matéria.

 

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra



O jornal Correio Braziliense destacou que a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira (11), em Não-me-Toque (RS), onde participa da abertura da 20ª edição da Expodireto Cotrijal, que o Brasil tem tudo para continuar incomodando seus principais concorrentes internacionais. Segundo ela, o setor agropecuário se estruturou e “está pronto para vencer todos os desafios, produzir cada vez mais barato e exportar produtos de grande qualidade”. “Não tem Estados Unidos, não tem China, não tem Mercosul, porque estamos juntos produzindo. E precisamos produzir cada vez mais barato, com competitividade, produtos de grande qualidade. Nós hoje exportamos para mais de 190 países”, afirmou ela. A ministra disse que “não tem páreo” para a agricultura brasileira no mundo, e por isso ela está incomodando tanto. “A agricultura brasileira tem tudo para continuar na frente. Nós temos certeza disso. O campo se estruturou e nós vamos longe, vamos continuar incomodando muita gente”.

 

Heinze defende taxação do arroz importado de Argentina, Uruguai e Paraguai



O senador Luis Carlos Heinze (PP-RS) defendeu nesta segunda-feira (11) em Plenário a cobrança de PIS e Cofins do arroz importado do Uruguai, da Argentina e do Paraguai. De acordo com a Agência Senado, para ele a cobrança ajudaria a proteger os produtores de arroz brasileiros. “O que estamos colocando é a necessidade de o governo ter uma atenção com isso. Não pode ser um livre mercado. Sem falar que os custos dos insumos que são utilizados na Argentina, no Uruguai e no Paraguai são mais baixos que os custos brasileiros. Por quê? Porque as empresas aqui exploram o nosso agricultor. De onde é que vem o insumo? Syngenta do Brasil. Por que eles vendem para o produtor do Uruguai a esse preço? Então exploram o produtor que tem no Brasil”, afirmou. “O senador pediu atenção do governo federal para o assunto”, afirma a notícia.

 

NA IMPRENSA
Abrapa – Abrapa promove o II Workshop de Manutenção Uster 

 

ANAC – GOL suspende operações de aeronaves modelo Boeing 737-8 MAX

 

Embrapa – Prosa Rural: Regras de ouro para aumentar a produtividade da mandioca

 

Embrapa – Prosa Rural: Manejo e práticas culturais da bananeira tipo Terra

 

Embrapa – Prosa Rural – BRS Pampa CL: nova cultivar de arroz para sistemas sustentáveis

 

Embrapa – Miranda toma posse na Academia Nacional de Agricultura

 

Embrapa – Pesquisa utiliza maracujá e pimentão para produzir embalagens comestíveis

 

Embrapa – Conjunto de boas práticas é capaz de aumentar eficiência de plantações de erva-mate

 

Embrapa – Projeto da Embrapa Pesca e Aquicultura é selecionado como iniciativa inovadora em agricultura familiar

 

Mapa – Contratação de crédito agropecuário soma R$ 119 bi em oito meses, em alta de 12%

 

Mapa – Tereza Cristina: “Não tem ninguém que possa conter a grandeza deste setor”

 

Mapa – Ministra elogia Paulo Guedes e diz que negociação do Plano Safra está bem encaminhada

 

Mapa – Produtos da agricultura familiar com preços em queda têm desconto de até 69% em financiamento

 

Mapa – Governo reajusta preços mínimos de café, trigo e laranja

 

MMA – Ministro Ricardo Salles participa no Quênia de assembleia ambiental da ONU

 

SUS Conecta – Trabalhadoras Rurais no Rio Grande do Sul realizam ato em defesa do SUS e contra reforma da previdência

 

Câmara dos Deputados – Comissões permanentes da Câmara serão instaladas nesta semana

 

Câmara dos Deputados – Proposta estabelece regulamentação sobre uso e conservação dos Campos de Altitude

 

Câmara dos Deputados – Deputados divergem sobre regra para registro de agrotóxicos

 

Câmara dos Deputados – Sete deputados são indicados para vice-liderança do governo no Congresso

 

Senado Federal – Reforma da Previdência desconsidera realidade do campo, dizem debatedores

 

Senado Federal – Heinze defende taxação do arroz importado de Argentina, Uruguai e Paraguai

 

Correio Braziliense – Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra

 

Folha de S. Paulo – Entenda como diferenciar um avião da Boeing de um Airbus

 

Folha de S. Paulo – A novos diplomatas, Araujo diz que país ‘não venderá alma’ para exportar minério de ferro e soja

 

Folha de S. Paulo – Menino de dez anos escreve carta pedindo conselhos para CEO de companhia aérea

 

Folha de S. Paulo – Vaivém das Commodities – Freio na economia mundial pode segurar ritmo do agronegócio do Brasil

 

G1 – Mais da metade da soja no Brasil já foi colhida, apesar da chuva, diz AgRural

 

G1 – Contratação de crédito do Plano Safra acumula alta de 12%, a R$119,5 bi

 

O Estado de S. Paulo – China e Indonésia suspendem utilização de Boeing 737 MAX 8 após acidente

 

O Estado de S. Paulo – Fausto Macedo – Procuradoria pede ao Supremo que não dê foro privilegiado a suplente da ministra da Agricultura

 

O Estado de S. Paulo – Cingapura proíbe modelo de avião Boeing 737 Max de sobrevoar espaço aéreo do país

 

O Estado de S. Paulo – Furto de combustível vira questão de segurança nacional

 

O Globo – Preço da batata-inglesa dispara nas feiras e nos supermercados

 

Valor Econômico – Boas perspectivas para a safra garantem aumento das vendas de máquinas

 

Valor Econômico – Contratações de crédito rural cresceram 12% entre julho e fevereiro

 

Valor Econômico – Usina Batatais estima aumento de 8% na moagem de cana de 2019/20

 

Valor Econômico – Produtores de tabaco acertam novos preços com Souza Cruz e JTI

 

Zero Hora – “O governo tem compromisso com o agronegócio”, afirma Mourão na abertura da Expodireto

 

Zero Hora – Gisele Loeblein – Com ego massageado na Expodireto, produtor gaúcho aguarda ações

 

Zero Hora – Ministra diz que pequenos e médios produtores rurais terão prioridade de crédito agrícola

 

Agro em Dia – Bolsonaro destaca crescimento da aviação agrícola brasileira

 

Ciclo Vivo – Dicas de controle biológico para hortas urbanas

 

Mais Soja – Fim de convênio do ICMS será ruim para o agronegócio, diz Abracal

 

Política Real – Depois de tratar de ideologia, Presidente Bolsonaro tuita sobre agricultura e aviação; ele destacou o leilão dos aeroportos no Nordeste

 

__________________________________________________________________________________________

 

 

 

 

O Boletim NK, produzido pela NK Consultores Relações Governamentais, é uma compilação das principais notícias publicadas em meios de comunicação do país sobre temas ligados ao setor.

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.