Boletim NK – OMS visita instalação de saúde animal na China para rastrear covid-19

Home/Informativo/Boletim NK – OMS visita instalação de saúde animal na China para rastrear covid-19

OMS visita instalação de saúde animal na China para rastrear covid-19

Uma equipe de investigadores liderada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) chegou nesta terça-feira (2) a uma instalação de saúde animal da cidade chinesa de Wuhan em busca de pistas sobre a origem da pandemia da covid-19. A equipe independente já visitou hospitais importantes, o centro de controle de doenças regional e o mercado de frutos do mar de Huanan, onde se acredita que o primeiro foco de infecções se originou no final de 2019.

A viagem está indo “muito bem, excelente”, disse Peter Daszak, um de seus membros e presidente da EcoHealth Alliance, à Reuters, nesta terça-feira ao ser indagado pouco antes de entrar na instalação de saúde animal. As informações são da Agência Brasil.

O centro na província de Hubei, que combate doenças epidêmicas em animais, poderia dar informações de como um coronavírus endêmico no morcego de ferradura pequeno do sudoeste da China pode ter passado para os humanos, possivelmente através de uma espécie intermediária.

Tocantins registra 10 casos de mormo em um mês e amostras de animais com a doença são enviadas a laboratório em MG

O Governo do Tocantins informou nesta terça-feira (2) que enviou amostras de material biológico de animais que tiveram mormo no estado a um laboratório em Minas Gerais. O objetivo é colaborar com uma pesquisa para saber se a bactéria encontrada no Tocantins é da mesma linhagem da observada no restante do país. O estado teve 10 registros de mormo apenas no mês de janeiro.

A Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) informou que a maior preocupação é em Filadélfia, no norte do estado. Foram oito casos registrados em três propriedades na região. Uma das propriedades desse município já era considerada foco em 2020 e a outras duas há suspeita de que tiveram os equídeos infectados por serem vizinhas. No último sábado, um animal avaliado em R$ 50 mil foi sacrificado com a doença em Nova Olinda.

Para recolher o material biológico que foi enviado ao laboratório foi necessário fazer uma necropsia nos animais sacrificados. Por causa do curto prazo de validade das amostras, elas foram enviadas em um avião até Pedro Leopoldo (MG), onde fica o laboratório. A investigação é coordenada pelo Mapa. As informações foram apuradas pelo G1.

Lei que prevê multa para quem colocar animais como brinde ou prêmio de sorteio é sancionada em Anápolis

Foi sancionada em Anápolis, a 55 km de Goiânia, uma lei que proíbe a exposição e a utilização de animais de qualquer espécie como “prêmio” em sorteios de eventos e datas comemorativas no município. O texto também veta qualquer tipo de exposição de bichos em situações de vulnerabilidade.

Em relação às situações de vulnerabilidade, a lei engloba cenas de humilhação, constrangimento, estresse e violência. Também está proibida a divulgação de fotos de animais que estejam doentes em locais inadequados, sem comida e água ou sendo transportados indevidamente.

Quem descumprir as normas deve ser notificado pela prefeitura, podendo pagar multa no valor de R$ 500. Caso cometa a infração novamente, a quantia dobra para R$ 1 mil. Segundo a prefeitura, o valor das multas será usado para custear ações para a conscientização sobre a proteção dos animais. As informações são do G1.

Consulta pública sobre funcionamento de granjas avícolas e beneficiamento de ovos vai até março

Os interessados já podem participar da consulta pública sobre exigências para funcionamento de granjas avícolas e unidades de beneficiamento de ovos e derivados. As manifestações podem ser enviadas até 14 de março.

Elaborado pela Secretaria de Defesa Agropecuária do Mapa, o projeto de instrução normativa tem como objetivo determinar as condições básicas a serem adotadas por estabelecimentos de ovos e derivados. A divulgação é do Nação Agro.

As sugestões deverão ser encaminhadas por meio do Sistema de Monitoramento de Atos Normativos (Sisman). Para ter acesso ao Sisman, o usuário deverá efetuar cadastro prévio no Sistema de Solicitação de Acesso (Solicita), por meio do endereço eletrônico do Mapa.

 

 

NA IMPRENSA

Agência Brasil – OMS visita instalação de saúde animal na China para rastrear covid-19

Valor – China acha coronavírus em lote da BRF, dizem agências

Canal Rural – Gripe aviária: França abate 2 milhões de aves; doença já atinge 18 países da Europa

Canal Rural – Avicultores já estão em alerta com alta no preço do milho e soja, diz entidade

Agro em Dia – RS enfrenta escassez de milho e soja para alimentação animal

MoneyTimes – MSD Saúde Animal cresce na esteira do ‘boom’ da exportação de carnes do Brasil

G1 – Tocantins registra 10 casos de mormo em um mês e amostras de animais com a doença são enviadas a laboratório em MG

G1 – Lei que prevê multa para quem colocar animais como brinde ou prêmio de sorteio é sancionada em Anápolis

O Presente Rural – Auster Nutrição Animal vende 43% mais em 2020 e faturamento atinge R$ 297 milhões

Correio do Povo – ABPA debate medidas de prevenção local após novos surtos de gripe aviária na Europa e Ásia

Avisite – Avicultura gaúcha faz alerta sobre grave situação no abastecimento de grãos no estado

Nação Agro – Consulta pública sobre funcionamento de granjas avícolas e beneficiamento de ovos vai até março

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »