Boletim NK – Embrapa testa sistema que permite de forma efetiva controlar o carrapato-do-boi sem usar carrapaticidas

//Boletim NK – Embrapa testa sistema que permite de forma efetiva controlar o carrapato-do-boi sem usar carrapaticidas

Embrapa testa sistema que permite de forma efetiva controlar o carrapato-do-boi sem usar carrapaticidas

Os resultados da pesquisa liderada pelo médico-veterinário Renato Andreotti, pesquisador da Embrapa Gado de Corte, deixaram a equipe bem animada, afinal a luta vem de muito tempo tentando, se não acabar, diminuir o problema da infestação de carrapatos nos bovinos e suas consequências que acarretam grandes prejuízos para a produção nacional numa ordem estimada em US$ 3,24 bilhões/ano.

A pesquisa liderada pelo cientista foi nomeada de Sistema Lone tick. A técnica permite o controle da infestação do carrapato nas pastagens deixando as larvas “solitárias” (em inglês lone) por meio do distanciamento entre parasito e hospedeiro. Os testes a campo foram realizados durante um ano com animais da raça Senepol. O carrapato-do-boi (Rhipicephalus microplus) causa uma doença conhecida como tristeza parasitaria bovina (TPB) (Babesia bovisBabesia bigemina e Anaplasma marginale), levando os animais à morte. Se o produtor não adota um controle, o prejuízo é certo, por isso é de suma importância o estudo de controle desse parasito.

Ao Vida Rural, Andreotti explica que “o nível de infestação do carrapato nos rebanhos varia em função da presença e do grau de raças sensíveis. A infestação acarreta perda de peso pela inapetência, irritabilidade do animal, perda de sangue pela espoliação acentuada levando à anemia, lesões no local da picada evoluindo para miíases e lesões posteriores no couro. A alta infestação promove instabilidade dos agentes infecciosos responsáveis pela Tristeza Parasitaria Bovina (TPB) levando a surto de mortalidade de animais”.

Cientistas descobrem mutação no vírus da PSA

O vírus da Peste Suína Africana (PSDA) parece ter sofrido uma mutação natural. Foi o que informaram cientistas chineses na publicação do períodico Chinese Journal of Veterinary Science. Segundo eles a cepa é menos mortal do que a que devastou o rebanho local.Pelo menos outras duas novas cepas da doença já foram encontradas em  fazendas de suínos na China, que pareciam ser de origem humana. Elas estão causando uma forma crônica de PSA que está afetando a produção nas fazendas de matrizes.

Os pesquisadores do Instituto Veterinário Militar de Changchun disseram que parecia haver uma tendência crescente de redução da mortalidade por peste suína africana, com mais sintomas clínicos que não são fáceis de detectar e difíceis de controlar. Essas características também foram atribuídas a cepas que se acredita terem sido feitas para usadas em vacinas ilícitas. Os pesquisadores acreditam que período prolongado de circulação da doença iria criar variantes naturais, inevitavelmente.

A nova cepa, chamada HuB20, foi isolada de carne suína amostrada em um mercado na província central de Hubei, disseram Hu Rongliang e colegas do instituto do Exército de Libertação Popular da China. Ainda não há vacina contra a doença.

Hong Kong: Amostras locais de suínos testam positivo para peste suína africana 

O Departamento de Agricultura, Pesca e Conservação (AFCD) de Hong Konganunciou que as amostras retiradas de uma fazenda de suínos local tiveram resultado positivo para o vírus da Peste Suína Africana (PSA).

Um porta-voz da AFCD disse: “As amostras em questão foram retiradas de uma fazenda de suínos licenciada em Wong Nai Tun, Yuen Long. De acordo com o plano de contingência da PSA, a AFCD suspendeu imediatamente todos os suínos a serem transportados da fazenda em questão até novo aviso. A AFCD também inspecionou a granja de suínos em questão e coletou amostras de animais em galpões diferentes para teste. Os seis suínos com resultado positivo estavam todos no mesmo galpão. Havia cerca de 240 porcos neste galpão e todos serão sacrificados.

O porta-voz destacou que a PSA não é uma doença zoonótica e não infecta humanos, portanto, não causa nenhum risco à segurança alimentar. Carne de porco bem cozida é segura para consumo. Os membros do público não precisam se preocupar. As informações são do portal do Agronegócio.

Ele disse ainda: “A equipe da AFCD inspecionou imediatamente as três fazendas de suínos dentro de três quilômetros da fazenda índice. Nenhuma anormalidade foi encontrada na saúde desses porcos. Por uma questão de prudência, a AFCD também suspendeu temporariamente os movimentos de porcos nessas fazendas e coletará amostras de porcos para teste para garantir que não haja infecção nas fazendas. Não foram recebidos relatórios de anormalidades de fazendas de suínos fora da zona de três quilômetros. A equipe do AFCD intensificará a inspeção de todas as fazendas de suínos locais; certifique-se de medidas de biossegurança foram devidamente implementados; e continuar a vigilância para detectar porcos com anomalias e se uma granja foi infectada o mais cedo possível. ”

MSD Saúde Animal recebe prêmio da Animal Pharm

A MSD Saúde Animal acaba de ser prestigiada com um prêmio da Animal Pharm, a publicação mais lida sobre a indústria de saúde animal. Richard DeLuca foi reconhecido como CEO mais visionário do mundo de 2020.

DeLuca, presidente global da MSD Saúde Animal, foi premiado pela sua visão e liderança dos negócios de saúde animal da empresa nos últimos sete anos, criando uma companhia que continua tendo um crescimento robusto, com uma presença mundial forte e crescente. As informações são do portal Agrolink.

“O que torna o setor de saúde animal único é sua capacidade de oferecer aos clientes – veterinários, fazendeiros, produtores e donos de animais de estimação – produtos, serviços e soluções para ajudar, melhorar ou aprimorar os resultados de saúde e o bem-estar dos animais”, disse DeLuca ao receber a homenagem. “Ainda que me sinta honrado por este reconhecimento, reconheço que não estaríamos onde estamos hoje sem o grande time da MSD Saúde Animal”.

 

NA IMPRENSA

 

Valor – Abates de bovinos caíram 10,3% no 4º tri de 2020, diz IBGE

Vida Rural – Embrapa testa sistema que permite de forma efetiva controlar o carrapato-do-boi sem usar carrapaticidas

Vida Rural – Cientistas descobrem mutação no vírus da PSA

Vida Rural – Suinocultura precisa investir no consumo doméstico0

Vida Rural – Infecções urinárias em suínos provocam grandes prejuízos

Vida Rural – Hong Kong: Amostras locais de suínos testam positivo para peste suína africana

Agrolink – MSD Saúde Animal recebe prêmio da Animal Pharm

Agrolink – Alimentação das bezerras leiteiras impacta diretamente na produtividade da fazenda

Agrolink – O uso de ácidos orgânicos de cadeia curta na avicultura

Agrolink – Adapec orienta apicultores sobre cuidados no controle de pragas em apiários

Folha – Roubo de cães dispara no Reino Unido durante a pandemia

O Canal – Veterinária Nutricionista faz sucesso desenvolvendo alimentação especial para pets

G1 – Melhoramento genético de gado de corte é uma das tendências do mercado

 

 

 

 

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »