Após queda de 50% nos diagnósticos, pacientes de câncer enfrentam adiamento de cirurgias

//Após queda de 50% nos diagnósticos, pacientes de câncer enfrentam adiamento de cirurgias

O diagnóstico de novos casos de câncer caiu até 50% no país em 2020 e, com o atual colapso de hospitais devido à Covid-19, os pacientes oncológicos já enfrentam novos cancelamentos de consultas e cirurgias. Segundo levantamento do Radar do Câncer, do Instituto Oncoguia, as biópsias tiveram uma redução de 39,11% (de 737.804 para 449.275), entre março e dezembro do ano passado, em comparação ao mesmo período de 2019. As maiores quedas ocorreram nos meses de abril (-63,3%) e maio (-62,6%). Em outros exames de diagnóstico, como o papanicolau e a mamografia, as reduções foram de 50% e 49,81%, respectivamente. De acordo com a Folha de S.Paulo o radar reúne informações compiladas do DataSUS e tem apoio da farmacêutica Roche. A falta de um diagnóstico precoce e tratamento pode fazer com que um tumor em fase inicial cresça e se torne menos curável. Segundo a psicóloga Luciana Holtz, fundadora do Oncoguia, em situações normais, o país já possui uma alta taxa de diagnóstico tardio do câncer, mas, agora, com a pandemia, tudo indica que o problema vai piorar. Com o atual colapso dos hospitais devido ao aumento das internações por Covid-19, várias instituições estão suspendendo consultas e procedimentos eletivos, segundo relatos de pacientes ao instituto. “De novo, temos pacientes com medo de procurar os serviços de saúde e hospitais cancelando cirurgias, procedimentos, consultas. Por incrível que pareça, a cirurgia de câncer é considerada eletiva, apesar de ela poder virar uma urgência amanhã.” Ela diz que o instituto tem conversado com os conselhos de secretários da Saúde alertando para a situação dos pacientes oncológicos. Mas, apesar de reconhecer a gravidade da desassistência, dizem que não há muito o que fazer neste momento. Para Luciana, muitos serviços privados mostraram que é possível continuar com a assistência oncológica de forma segura, com fluxos de atendimentos separados. “Os locais estão mais preparados, aprenderam com a pandemia.” Um outro estudo da Sociedade Brasileira de Urologia, de São Paulo, mostra uma redução média de 26% no número de novos casos de tumores de rim, próstata e bexiga, em 2020, em comparação aos diagnósticos feitos em 2019. Os dados vêm de cinco instituições paulistas que atendem pacientes do SUS: Hospital Amaral de Carvalho, de Jaú, Instituto do Câncer da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto, Hospital AC Camargo, de São Paulo, Hospital das Clínicas da Unicamp, de Campinas, e Hospital São Paulo, da Unifesp, de São Paulo. No HC da Unicamp, por exemplo, houve queda de 52% nos casos de câncer de bexiga, 61,04% nos de próstata e 63% nos de rim. No AC Camargo, as reduções foram de 24%, 48,8% e 29%, respectivamente. No Hospital São Paulo, houve diminuição de 25% nos casos de câncer de próstata e 35% nos de rim.

Anvisa regulamenta importações emergenciais de medicamentos e vacinas

A Diretoria Colegiada aprovou nesta quarta-feira (10), em reunião extraordinária, uma Resolução de Diretoria Colegiada (RDC), que regulamenta a autorização excepcional e temporária para a importação por Estados, Municípios e Distrito Federal de medicamentos e vacinas para Covid-19 que não possuam registro sanitário ou autorização para uso emergencial no Brasil, para o enfrentamento da emergência de saúde pública de importância nacional decorrente do surto do novo coronavírus (SARS-CoV-2), nos termos da Lei nº 14.124/2021. Os medicamentos e vacinas importados devem ter indicação específica para tratamento ou prevenção da Covid-19 aprovada pela respectiva autoridade sanitárias estrangeiras e precisam ter, pelo menos, estudos clínicos de fase 3 concluídos ou com resultados provisórios. Além disso, precisam ser registrados ou autorizados para uso emergencial por, no mínimo, uma das seguintes autoridades sanitárias estrangeiras e autorizados à distribuição em seus respectivos países: Estados Unidos, União Europeia, Japão, China, Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte, Rússia, Índia, Coreia, Canadá, Austrália, Argentina e outras autoridades sanitárias estrangeiras com reconhecimento internacional e certificadas, com nível de maturidade IV, pela Organização Mundial de Saúde ou pelo Conselho Internacional para Harmonização de Requisitos Técnicos para Registro de Medicamentos de Uso Humano e pelo Esquema de Cooperação em Inspeção Farmacêutica. Nesses casos, a Diretoria Colegiada da Anvisa poderá conceder autorização excepcional e temporária para a importação de medicamentos e vacinas para Covid-19 que sejam considerados essenciais para auxiliar no combate à pandemia. O importador será responsável pela qualidade, eficácia e segurança do medicamento ou vacina a ser importado, assim como pelo monitoramento das condições de transporte, visando garantir as condições gerais e a manutenção da qualidade dos produtos importados, além do seu adequado armazenamento. Também cabe ao importador prestar orientações aos serviços de saúde sobre uso e cuidados de conservação dos produtos importados, assim como aos pacientes sobre como notificar as queixas técnicas e eventos adversos a eles relacionados. A criação de mecanismos para a realização do monitoramento pós-distribuição e pós-uso dos produtos importados também cabe ao importador.

Farmacêuticas buscam vacina que seja eficaz contra mais de uma cepa

Companhias farmacêuticas estão desenvolvendo vacinas contra a covid-19 que agiriam contra mais de uma cepa do vírus, na esperança de reforçar a campanha de imunização contra o patógeno à medida que ele evolui. Pesquisadores de Moderna, Novavax e da Universidade de Oxford estão desenvolvendo as chamadas vacinas multivalentes, para proteger não só contra a forma do vírus que mais circula hoje no mundo, mas também contra variantes potencialmente mais contagiosas já surgidas ou que possam a surgir, destacou o Valor Econômico nesta quinta-feira (11). O trabalho pertence a uma série de esforços que fabricantes de vacinas e pesquisadores estão empreendendo para se antecipar a variantes como as identificadas na África do Sul e no Brasil. Uma pesquisa indica que algumas vacinas hoje em uso geram respostas imunológicas mais fracas especialmente contra a variante descoberta na África do Sul, embora não haja evidências de que as atuais vacinas não protejam contra essas variantes. Visando a segurança, as companhias estão explorando o reforço da proteção oferecida pelas vacinas existentes com o aumento das doses, aperfeiçoamento das vacinas ou uma revacinação. Uma vacina multivalente é outra das abordagens adotadas. Os testes das vacinas multivalentes em seres humanos ainda não começaram. Algumas empresas esperam iniciar esses testes no segundo trimestre, para que as doses estejam disponíveis para uso já no começo do terceiro trimestre. Especialistas em saúde afirmam que vacinas de amplo espectro poderão fazer a diferença na luta contra a pandemia, bloqueando mutações no coronavírus que poderiam ajudá-lo a driblar as vacinas existentes antes da obtenção de imunidade de rebanho. Vacinas multivalentes são uma arma bastante usada contra outros vírus, como os de sarampo, caxumba e rubéola. Algumas vacinas contra a pneumonia atacam até 23 cepas, enquanto a maior parte das vacinas contra a gripe é eficaz contra quatro cepas diferentes. Para derrotar diversas variantes, as vacinas basicamente misturam uma série de vacinas diferentes. Desde que os pesquisadores façam as combinações certas, as vacinas funcionam, afirmam especialistas.

Protocolo de tratamento para leucemia mieloide crônica é aprovado

Pacientes adultos com leucemia mieloide crônica terão um tratamento mais efetivo ofertado pelo Sistema Único de Saúde (SUS), informou a Agência Saúde nesta quarta-feira (10). O Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas (PCDT), publicado no dia 4 de março, traz critérios de diagnóstico, tratamento e mecanismos de regulação, controle, avaliação e monitoramento dos pacientes com a doença. O documento, recomendado pela Comissão Nacional de Incorporações de Tecnologias no Sistema Único de Saúde (Conitec), define orientações para profissionais de saúde, gestores do SUS e pacientes sobre o diagnóstico e tratamento da doença. Conforme descrito no PCDT, os pacientes devem ser atendidos em hospitais habilitados em oncologia e com porte tecnológico suficiente para diagnosticar, tratar e acompanhar, na parte clínica e laboratorial. Portanto, as unidades de saúde devem possuir estrutura para internação, salas de terapia intensiva e de hemoterapia, além de suporte multiprofissional e de laboratórios, necessário para o adequado atendimento e obtenção dos resultados terapêuticos esperados. Com a publicação, os gestores do SUS – estaduais e municipais – deverão estruturar a rede assistencial, definir os serviços referenciais e estabelecer os fluxos para o atendimento dos pacientes em todas as etapas. A leucemia mieloide crônica (LMC) corresponde a 15% de todas as leucemias em pacientes adultos com idade média de 67 anos. No Brasil, o Instituto Nacional de Câncer (INCA) estimou, para os anos de 2020 até 2022, 10.810 novos casos de leucemias por ano. Em 2019, no Sistema de Informações Ambulatoriais do SUS (SIA-SUS), foram registrados 127.134 procedimentos de quimioterapia de LMC em adultos. A estimativa é que haja cerca de 15.892 casos da doença no Brasil.

SAÚDE NA IMPRENSA

Agência Câmara – Nova lei prorroga suspensão de metas para prestadores de serviços de saúde

Agência Câmara – Projeto cria campanha permanente sobre ansiedade e depressão

Agência Senado – Pacheco confirma recebimento de ofício da Saúde com respostas sobre vacinação

Agência Senado – Sessão temática vai debater capacidade de fornecimento de vacinas por laboratórios

Agência Senado – Senado fará homenagem à equipe de Brasília que realizou testes com a Coronavac

Agência Senado – Confúcio apresenta balanço semanal da comissão da covid-19 e pede participação de todos os senadores

Agência Senado – Marcos Rogério propõe implementação de coordenação nacional contra a pandemia

Agência Senado – Lei permite que estados, municípios e empresas comprem vacinas contra covid-19

Agência Senado – CNM está preocupada com avanço da pandemia, diz Paim

Agência Senado – Projeto determina coordenação conjunta dos entes federativos contra pandemia

Anvisa – Anvisa atualiza procedimentos para atender às determinações da Lei 14.214

Anvisa – Anvisa regulamenta importações emergenciais de medicamentos e vacinas

Anvisa – Prorrogado prazo para o Butantan apresentar resultados de estudos da Coronavac

Anvisa – Acompanhe a 4ª Reunião Extraordinária Pública de 2021 da Diretoria da Anvisa

Anvisa – Webinar aborda melhoria da qualidade regulatória

Anvisa – Informações sobre Soro Anti-SarsCov-2 do Instituto Butantan

Anvisa – Reunião da Dicol foi transferida para quinta-feira 11/3

ANS – 545ª Reunião da Diretoria Colegiada

Agência Saúde – Ministro Pazuello participa de cerimônia de sanção de leis para acelerar vacinação contra a Covid-19: “Estamos mantendo a espinha dorsal do SUS”

Agência Saúde – Saúde e Associação Brasileira de Supermercados fecham parceria para ampliar campanha de vacinação contra a Covid-19

Agência Saúde – Protocolo de tratamento para leucemia mieloide crônica é aprovado

Agência Saúde – Ministério da Saúde inicia distribuição de mais 2,6 milhões de doses da vacina do Butantan

Agência Saúde – Ministério inicia formação da 17ª turma de treinamento em vigilância em saúde

Governo Federal – Missão brasileira em Israel promove acordo de cooperação contra a Covid-19

Governo Federal – Governo distribui mais 2,6 milhões de doses de vacina contra a Covid-19

Agência Brasil – Anvisa prorroga prazo para Butantan apresentar estudos sobre Coronavac

Agência Brasil – Anvisa regulamenta importação de vacinas sem registro no Brasil

Agência Brasil – Covid-19: Brasil registra 2.286 mortes e 79 mil casos em 24h

Agência Brasil – MP que facilita compra de vacinas é sancionada

Agência Brasil – Bolsonaro sanciona projeto sobre compra de vacinas por estados

Agência Brasil – Estudos mostram eficácia da CoronaVac contra três variantes do vírus

Agência Brasil – Em SP, vacinação de idosos entre 72 e 74 anos começa em 22 de março

Agência Brasil – Anvisa pede a Bolsonaro que sancione MP das Vacinas

Agência Brasil – São Paulo tem 25 hospitais com mais de 95% de ocupação de UTIs

Agência Brasil – Vacinação na cidade do Rio está garantida até sábado

Folha de S.Paulo – Após queda de 50% nos diagnósticos, pacientes de câncer enfrentam adiamento de cirurgias

Folha de S.Paulo – Saúde & Alegria atua no combate à desinformação no repique da Covid-19 no Pará

Folha de S.Paulo – Mais de 70% dos dados do Ministério da Saúde sobre vacinas não são transparentes, diz pesquisa

Folha de S.Paulo – Com maior fila por leitos para Covid do país, Paraná reabre comércio e escolas

Folha de S.Paulo – Novas cepas decorrentes da pandemia com alto poder de contágio preocupam

Folha de S.Paulo – Câmara conclui votação em 1° turno de versão desidratada da PEC Emergencial

Folha de S.Paulo – ‘O povo é soberano, se quiser a volta de Lula, paciência. Acho difícil’, diz Mourão

Folha de S.Paulo – Com estados em colapso por Covid, Pazuello diz que sistema de saúde ‘não colapsou nem vai colapsar’

Folha de S.Paulo – México fica a um passo de legalizar maconha e pode se tornar maior mercado mundial

Folha de S.Paulo – Ministério Público de MG investiga se secretário e servidores da Saúde furaram fila da vacina para Covid

Folha de S.Paulo – Em 8 dias, Pazuello reduz previsão de vacinas pela quinta vez

Folha de S.Paulo – Com apenas um leito público livre para Covid, Campinas anuncia reativação de hospital de campanha

Folha de S.Paulo – De máscara, Bolsonaro sanciona lei que viabiliza compra de vacinas de Pfizer e Janssen; veja fotos

Folha de S.Paulo – Variante britânica do coronavírus é 64% mais letal, indica estudo

O Estado de S.Paulo – Possíveis reações às vacinas de Oxford e Pfizer colocam Dinamarca, Áustria e Japão em alerta

O Estado de S.Paulo – Pandemia adia para 2023 evento internacional de seguros no Rio

O Estado de S.Paulo – Covid-19 avança e associações desistem de pedir reabertura do comércio a Doria

O Estado de S.Paulo – A redução da inflação médica e o jeito certo de usar a saúde no Brasil

O Estado de S.Paulo – Câmara aprova texto sobre uso recreativo de maconha no México

O Estado de S.Paulo – Pazuello admite que matéria-prima para vacinas pode ser obstáculo no cronograma de imunização

O Estado de S.Paulo – Governadores assinam pacto de combate à pandemia de covid-19

O Estado de S.Paulo – Pacheco diz que, segundo Pazuello, contrato do governo com a Pfizer será fechado nesta quinta

O Estado de S.Paulo – Com 15 recém-nascidos infectados pela covid, maternidade de Maceió proíbe visitas à unidade neonatal

O Estado de S.Paulo – Brasil bate recorde com 2.349 mortes pela covid em 24h; média de óbitos salta 43% em duas semanas

O Estado de S.Paulo – Com alta de 20% de novos pacientes, Hospital Albert Einstein bate recorde de internações

O Estado de S.Paulo – Prefeito no MA distorce dados para defender ‘tratamento precoce’ e criticar respiradores

O Estado de S.Paulo – Rosa manda União pagar UTI de pacientes com covid-19 no Rio Grande do Sul

O Estado de S.Paulo – Distrito Federal está com 100% de seus leitos de UTI ocupados

O Estado de S.Paulo – Governo abre mão de congelamento das promoções dos servidores públicos em PEC do auxílio emergencial

O Estado de S.Paulo – Em mudança de postura, Bolsonaro usa máscara e defende vacinas em evento no Planalto

O Estado de S.Paulo – Possíveis reações às vacinas de Oxford e Pfizer colocam Dinamarca, Áustria e Japão em alerta

O Estado de S.Paulo – Prefeito no MA distorce dados para defender ‘tratamento precoce’ e criticar respiradores

O Globo – Geraldo Azevedo é vacinado contra a Covid-19 no Rio: ‘Viva o nosso SUS, viva a saúde pública brasileira’

O Globo – Em ofício ao Congresso, ministro da Saúde omite redução de doses de vacina em março

G1 – Pazuello diz que Brasil não terá colapso na Saúde e reduz pela quarta vez previsão de vacinas

G1 – Um ano de pandemia: os fatos que marcaram a crise sanitária do novo coronavírus

G1 – 1 ano de pandemia: Gráficos mostram o que funcionou no combate à Covid e quais os caminhos para o Brasil

G1 – Pandemia atrasou desenvolvimento infantil e ameaça uma geração, diz Unicef

G1 – Anvisa oficializa regra que permite a estados, municípios e o setor privado importarem vacinas

G1 – Anvisa aprova prorrogação feita a pedido do Butantan para entrega de estudo sobre criação de anticorpos da CoronaVac

G1 – Brasil bate 2 mil mortes em 24 horas: veja quais países têm a mesma marca e o que ela significa

G1 – Brasil aplicou ao menos uma dose de vacina em 9 milhões, aponta consórcio de veículos de imprensa

G1 – Rosa Weber manda governo reativar leitos de UTI para Covid-19 no Rio Grande do Sul

G1 – Usando máscara, Bolsonaro sanciona lei que facilita compra de vacinas contra Covid-19

G1 – Variante britânica do novo coronavírus tem mortalidade mais alta, diz estudo

G1 – Butantan diz que CoronaVac é eficaz contra as três variantes do coronavírus em circulação no país

G1 – Contra Covid, governadores defendem pacto entre os três poderes e aceleração da vacinação

G1 – Com 1.954 vidas perdidas em 24h, Brasil ultrapassa EUA em mortes diárias por Covid-19

Correio Braziliense – Efeito Lula e mortes por covid-19 colocam Pazuello na berlinda

Correio Braziliense – Prazo para liberação de 300 leitos em hospitais de campanha é de 20 dias

Valor Econômico – UE prorroga norma que permite bloquear exportação de vacinas até junho

Valor Econômico – Cotado para disputar Presidência, Mandetta é campeão em imagem positiva, diz pesquisa

Valor Econômico – Biópsia líquida não invasiva para ajudar o diagnóstico do câncer obtém a certificação CE

Valor Econômico – Câmara dos Deputados do México aprova legalização da maconha

Valor Econômico – Dinamarca suspende uso da vacina da AstraZeneca após relatos de problemas

Valor Econômico – PF apura suspeita de corrupção em fornecimento de material de saúde no RJ

Valor Econômico – Medicamento baseado em anticorpos tem eficácia de 85% contra casos graves da covid-19

Valor Econômico – STF analisa 7 mil processos sobre covid em um ano

Valor Econômico – Farmacêuticas buscam vacina que seja eficaz contra mais de uma cepa

Valor Econômico – Anvisa aprova biossimilar da Amgen para o tratamento de doenças inflamatórias crônicas

Valor Econômico – Variante britânica é mais mortal que as cepas originais, diz estudo

Valor Econômico – Setor privado está dividido sobre compra de vacinas

Valor Econômico – Pazuello anuncia entrega de cronograma de vacinação ao Congresso

Valor Econômico – Anvisa regulamenta importação de vacina por Estados e municípios

Valor Econômico – Brasil foi o único país em desenvolvimento a falar contra suspensão de patentes no combate à pandemia

Valor Econômico – Pazuello afirma que Brasil está enfrentando a ‘versão mais grave da covid-19’

Valor Econômico – Coronavac é eficiente contra variantes do coronavírus, afirma Instituto Butantan

Valor Econômico – Em aceno ao Congresso, governo faz cerimônia de sanção de projeto sobre compra de vacinas

Valor Econômico – Variante britânica tem taxa de mortalidade mais alta que outras cepas da covid-19, diz estudo

Valor Econômico – Governador do RJ confirma recebimento de mais 262 mil doses de vacina contra covid-19

Alesp – Lei prevê penas mais duras para atos de corrupção durante pandemias

Alesp – Caio França fala da relevância do PL que trata da Central de Regulação de Oferta de Serviço de Saúde

Alesp – Deputado pede ampliação da sala de oftalmologia e equipamentos para o AME

Alego – Deputado Coronel Adailton propõe ação para conscientização e orientação sobre doenças raras

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »