Aplicação do crédito rural ultrapassa R$ 271 bilhões ao final da temporada 2020/2021

Home/Informativo/Aplicação do crédito rural ultrapassa R$ 271 bilhões ao final da temporada 2020/2021

Com o encerramento do Plano Safra 2020/2021 no último dia 30 de junho, produtores rurais e cooperativas de crédito contrataram R$ 271,5 bilhões no crédito rural oficial, aumento de 27% em relação ao período anterior. Nesse montante, foram incluídas as aquisições de CPR (Cédula do Produto Rural) e operações com agroindústria. De acordo com o Balanço de Financiamento Agropecuário da Safra 2020/2021, o destaque desse plano foi para os investimentos, que superaram em 34% a programação de recursos e alcançaram R$ 76,2 bilhões. O Pronaf apresentou balanço 10% superior à safra passada totalizando R$ 14,5 bilhões, e as contratações pelos pequenos produtores superaram os recursos disponíveis. Os programas Moderinfra/Proirriga (+132%), Prodecoop (+132%) e PCA (+72%) apresentaram as maiores variações das aplicações. As aplicações no custeio alcançaram R$ 135,3 bilhões, alta de 27% em relação a temporada anterior. Já a comercialização ficou em R$ 25,4 bilhões (10%) e a industrialização em R$ 12,5 bilhões (15%). As regiões de maior representatividade nas contratações do crédito rural foram o Sul (33%) e o Centro-Oeste (28%). A atividade agrícola participou com 67% e a pecuária 33%, sendo que os recursos contratados foram, principalmente, destinados aos produtos soja, bovinos e milho, respectivamente. No que se refere aos segmentos, o crédito aos beneficiários foi concedido por meio de bancos públicos (55%), privados (24%), cooperativas de crédito (20%) e bancos de desenvolvimento e agências de fomento (1%). Com relação à safra passada, as cooperativas tiveram um ganho de 2% e os bancos públicos de 1% na participação do volume total de contratações. A participação dos recursos livres apresentou um crescimento de 32% em relação à safra passada, concentrado essencialmente nos produtores de maior porte e cooperativas, sobretudo em financiamento a investimentos. “Os recursos a taxas controladas cresceram 23%, com evidência para os financiamentos concedidos a pequenos e médios produtores, financiados quase que em sua totalidade com recursos a taxas de juros controladas”, destaca o diretor de Crédito e Informação, da Secretaria de Política Agrícola, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Wilson Vaz de Araújo.

Participe da Consulta Setorial sobre Instruções Suplementares de Lista Mestra e de Lista de Equipamentos Mínimos

A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) está realizando uma Consulta Setorial a respeito das minutas de Instruções Suplementares (IS) sobre Lista Mestra e Lista de Equipamentos Mínimos (MMEL e MEL), que vão substituir a Instrução de Aviação Civil (IAC) n° 3507, em vigor até novembro deste ano, a fim de modernizar atos desatualizados. A Consulta Setorial tem o objetivo de receber sugestões, contribuições e possíveis críticas da comunidade aeronáutica em relação aos documentos propostos. Podem participar da consulta pessoas e empresas que elaborem ou utilizem uma MMEL ou MEL, bem como demais pessoas interessadas no assunto. As contribuições deverão ser enviadas até 30/07 por meio do formulário eletrônico disponível na página Consultas Setoriais do site da ANAC.

Caixa inaugura agência dedicada ao agronegócio

A Caixa Econômica Federal inaugurou neste fim de semana, em Dourados (MS), sua primeira agência voltada exclusivamente a atender clientes do agronegócio, destacou o Valor Econômico nesta segunda-feira (5). O banco prevê abrir 80 unidades dedicadas ao setor. Dourados é um importante polo regional agropecuário e de serviços. O município é considerado ponto central de três regiões que, somadas, compõem 30 municípios com população estimada em 838 mil habitantes. A região se destaca na produção de milho, soja e cana-de-açúcar, com atuação de cooperativas e criação de bovinos e suínos. A Caixa vai oferecer R$ 35 bilhões em crédito rural no Plano Safra 2021/22. Desse montante, R$ 7 bilhões são subsidiados pelo governo.

Frente ambientalista promove seminário sobre a presença de agrotóxicos na alimentação

A Frente Parlamentar Ambientalista do Congresso Nacional e a Campanha Permanente contra os Agrotóxicos e pela Vida realizarão um seminário on-line nesta quinta-feira (8) para debater o tema: “O agrotóxico na alimentação que chega à mesa dos brasileiros”. De acordo com a Agência Câmara o evento será realizado às 18 horas e poderá ser acompanhado pelo Youtube. Para falar sobre o assunto, foram convidados, entre outros: Kelli Mafort, representante da Coordenação Nacional do MST; o presidente do Instituto Brasil Orgânico, Rogério Dias; a representante da Campanha Permanente contra os Agrotóxicos e pela Vida,  Juliana Acosta; o coordenador da Frente Parlamentar Ambientalista do Congresso Nacional, deputado Nilto Tatto (PT-SP).

NA IMPRENSA

Agência Câmara – Frente ambientalista promove seminário sobre a presença de agrotóxicos na alimentação 
Agência Câmara – Audiência debaterá adesão do Brasil a programa de ação sobre clima da OCDE 
Agência Câmara – Representantes do turismo rural defendem aprovação de propostas para o setor 
Governo Federal – Preços mínimos para a safra de verão e produtos regionais têm reajuste médio de 19,7% 
O Estado de S.Paulo – O uso da IA em conflitos armados é uma aposta no escuro 
G1 – Fotógrafo viraliza com vídeos de ovelhas feitos com drone 
G1 – Com uso da técnica hidropônica, viveiro na Amazônia quer produzir 5 mil pés de alface e 8 mil tomates 
Valor Econômico – Sicredi prevê desembolsos de R$ 38 bilhões em crédito rural em 2021/22 
Valor Econômico – UISA vai pesquisar soluções biológicas para cana em MT 
Valor Econômico – Duo Automation avança na robotização de usinas 
Valor Econômico – Produção agrícola do Brasil ganha ainda mais peso 
Valor Econômico – FAO e OCDE veem alta temporária de preços no campo 
Valor Econômico – Commodities: Em dia de bolsas fechadas nos EUA, açúcar sobe em Londres 
Valor Econômico – Cooperativas querem destinar R$ 60 bi ao crédito rural em 2021/22 
Valor Econômico – Caixa inaugura agência dedicada ao agronegócio 
Valor Econômico – Etanol subiu nos postos de 15 Estados em uma semana, segundo ANP 
Anac – Novo modelo regulatório da aviação agrícola será conhecido nesta terça, dia 6 
Anac – Participe da Consulta Setorial sobre Instruções Suplementares de Lista Mestra e de Lista de Equipamentos Mínimos 
Mapa – Aplicação do crédito rural ultrapassa R$ 271 bilhões ao final da temporada 2020/2021 
Embrapa – Novas cultivares de café arábica são indicadas para plantio no estado do Espírito Santo 
CNA – Live do AgriHub apresenta tecnologias para engenheiros atuantes no agronegócio 
CNA – Agro.BR promove cerca de 160 reuniões em rodada de negócios para o setor de frutas e derivados 
SBA – Bloqueio atmosférico impede formação de chuva em grande parte do país 
SBA – Petrobras reajusta preços do diesel, gasolina e gás de cozinha 
AgroLink – Gigante agro vai construir fábrica de fertilizantes 
AgroLink – Colheita do algodão avança no Mato Grosso 
AgroLink – Controle ecológico combate praga do milho-doce 
AgroLink – Estudo avança no entendimento da vassoura-de-bruxa 
AgroLink – Porto de Rio Grande terá estufagem de trigo  
AgroLink – CNA discute metodologia de cálculo do Valor da Terra Nua para ITR 
AgroLink – Futuros do açúcar e etanol hidratado iniciam a semana em alta 
Canal Rural – MP pode acabar com piso salarial para agrônomos e médicos veterinários 
Revista Globo Rural – Agro gerou mais de 113 mil empregos formais de janeiro a maio de 2021 
Revista Globo Rural – Setor de grãos argentino diz que proposta do governo encarece exportações 
Alego – Projeto que cria o Fundo Estadual de Conservação do Solo Agrícola vai à segunda votação  

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »