APÓS RESGATE DE LUISA MELL, PETZ ANUNCIA FIM DA VENDA DE FILHOTES

//APÓS RESGATE DE LUISA MELL, PETZ ANUNCIA FIM DA VENDA DE FILHOTES

A apresentadora e ativista Luisa Mell comemorou o fim da venda de animais pela rede de pet shops Petz, anunciada na noite de terça-feira (19). É o que informa o jornal O Estado de S. Paulo. Em vídeo publicado nas redes sociais da Petz, Sergio Zimerman, presidente e fundador da empresa, anunciou que a rede não venderá mais filhotes em suas lojas. No vídeo, Sergio diz que se sente “orgulhoso” pelos 16 anos em que buscou um “processo mais controlado e ético” na comercialização de animais. “Um dos canis que mantinha relações conosco sofreu denúncias de maus tratos. Isso nos incomodou muito. Me reuni com a equipe no final de semana para saber a possibilidade disso acontecer de novo. A equipe garantiu que era ‘99% seguro’ o nosso processo.” “Ocorre que 99% não é 100%. Se tem a menor possibilidade disso acontecer de novo, então não serve. A partir de agora, as 82 lojas do grupo Petz espalhadas por todo o Brasil não comercializarão mais cães e gatos.” “O caso do canil de Piedade nos mostrou que, apesar de inúmeros esforços, não é possível garantir que todos os parceiros tenham a mesma preocupação que nós com o bem-estar animal.” Por fim, ressalta que o “espaço para comercialização será destinado a ONGs e protetores independentes para feiras permanentes ou temporárias”.

 

Frente em defesa dos animais já protocolou quase 30 projetos



Agência Câmara destacou que criada no ano passado após a morte da cadela Manchinha por um funcionário da rede Carrefour em Osasco (SP), a Frente Parlamentar Mista em Defesa dos Direitos dos Animais foi relançada na Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (20).  A frente já protocolou quase 30 projetos de lei que defendem os direitos dos animais. Desses, 23 são de autoria do coordenador do colegiado, deputado Fred Costa (Patri-MG). A Organização Mundial da Saúde estima que, no Brasil, existem mais de 30 milhões de animais abandonados. Para reverter esse quadro, a deputada estadual Joana D’arc (PR-AM), que é ativista do direito dos animais, propõe a conscientização como caminho para o Brasil avançar nessa área. Para Carolina Mourão, presidente da Confederação Brasileira de Proteção Animal, a participação popular é importante na defesa dos direitos dos animais. Ela comenta a parceria entre o parlamento e a sociedade civil, que deu origem à CPI dos Maus Tratos aos Animais e à própria frente parlamentar. “Além de aprovar os projetos de lei que defendem os direitos dos animais, a frente parlamentar pretende criar uma comissão especial para analisar propostas de defesa dos direitos e proteção dos animais”, destaca a matéria.

 

Nabor Wanderley apresenta projeto para criar delegacia de defesa animal na Paraíba



Na primeira sessão da Assembleia Legislativa, ocorrida nessa terça-feira (19), o deputado estadual e 1º Secretário da Mesa Diretora, Nabor Wanderley (PRB), apresentou projeto de lei, que dispõe sobre a institucionalização das Delegacias Especializadas de Proteção do Meio Ambiente e Defesa Animal do Estado. De acordo com o portal da Assembleia Legislativa da Paraíba, Nabor explicou que se faz necessária a institucionalização das referidas delegacias, para que elas se transformem em mecanismos para a realização de denúncias e outros meios necessários para coibir abusos e crimes cometidos contra o meio ambiente e animais. Ele ainda lamentou a frequência de maus tratos aos animais. “Sempre estamos acompanhando na imprensa a frequência de maus tratos aos animais, ao meio ambiente. Gatos e cães que são mortos por envenenamento, a paulada, tudo isso é muito triste e violento. Nós temos que compreender que essas ações fazem parte da nossa atualidade e temos que trabalhar para combater, para cessar”, disse.

 

Quase 10% dos animais ameaçados monitorados estão sob risco de extinção



Pelo menos 1.173 espécies de animais vivem sob risco de extinção no país atualmente. Há outros dez animais que existiam no Brasil e que já desapareceram completamente do território nacional. Conforme o portal do G1, os dados são do Instituto de Conservação da Biodiversidade Chico Mendes (ICMBio). O órgão publicou em janeiro a mais recente edição do Livro Vermelho da Fauna Brasileira Ameaçada de Extinção 2018. A versão anterior do relatório havia sido publicada há mais de dez anos, em 2008. Não é possível comparar o número de espécies ameaçadas em 2018 com os registrados anteriormente porque a abrangência da pesquisa foi maior na edição recém-lançada. De 2008 para 2018, 716 espécies passaram a integrar a lista de ameaçados e 170 saíram. Em 2008 eram analisadas 1.400 espécies e, agora, são 12.254. “Desses mais de 12 mil animais, 9,7% foram classificados em algum nível de ameaça. De acordo com o ICMBio, das 1.173 espécies ameaçadas no país, 724 estão nas duas categorias mais críticas, com risco alto ou extremamente alto de extinção”, informa a notícia.

 

NA IMPRENSA
Embrapa – Abertura da Dinapec aponta cenários para a ciência e setor rural 

 

Fiocruz – INI participa de projeto de pesquisa da Fiocruz na Antártica

 

Mapa – Níveis de contaminação após queda da barragem devem ser informados à população, alerta ministra

 

Mapa – Ministra se reúne com representantes da pesca para discutir retorno da exportação à UE

 

MMA – Campanha alerta para conservação marinha

 

Alepb – Nabor Wanderley apresenta projeto para criar delegacia de defesa animal na PB

 

Câmara dos Deputados – Frente em defesa dos animais já protocolou quase 30 projetos

 

Folha de S. Paulo – Vaivém das Commodities – Sem renda, argentino bebe menos de 1/4 do vinho que consumia há 40 anos. No período, consumo de carne também caiu 38%

 

G1 – Maior felino das Américas, a onça-pintada está criticamente ameaçada de extinção na caatinga

 

G1 – Fernanda Lacerda, musa da Gaviões da Fiel, posa com uma cobra na quadra da escola: ‘Fiquei bem à vontade’

 

G1 – Caatinga tem 182 animais ameaçados; no país, quase 10% dos monitorados estão sob risco de extinção

 

O Estado de S. Paulo – Cão desaparecido em incêndio na Califórnia reencontra família após 101 dias

 

O Estado de S. Paulo – Comportamento Animal – Resgate de 1700 cães tem final feliz

 

O Estado de S. Paulo – Após resgate de Luisa Mell, Petz anuncia fim da venda de filhotes

 

O Globo – ParCão da Freguesia ganha melhorias feitas por voluntários

 

Valor Econômico – Cooperativa paranaense Copacol vai acelerar os abates de frangos

 

Valor Econômico – Cade aprova acordo de permuta de ativos entre Minerva e Marfrig

 

Valor Econômico – Boehringer Ingelheim Saúde Animal anuncia diretor

 

Zero Hora – Tartaruga albina nasce com o coração para fora do corpo

 

Anda – Polícia Ambiental recebeu mais de 4,6 mil denúncias de maus-tratos em canis de SP em 2018

 

Anda – Tartaruga fica enroscada em rede de pesca e é salva por homem que passava pelo local

 

Anda – Zoo encerra atividades com elefantes após a morte de todos os animais

 

Anda – Austrália declara oficialmente a extinção de mamífero devido às mudanças climáticas

 

Anda – Motorista dirige em alta velocidade e mata 29 ovelhas atropeladas no Piauí

 

__________________________________________________________________________________________

 

 

 

 

O Boletim NK, produzido pela NK Consultores Relações Governamentais, é uma compilação das principais notícias publicadas em meios de comunicação do país sobre temas ligados ao setor.

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.